A montadora General Motors informou nesta última segunda-feira (07/11) que suas vendas na China subiram 10,4%, comparado ao mesmo período de 2010, o que representa a comercialização de 220.412 unidades. Nos primeiros dez meses do ano, a empresa GM e suas joint ventures venderam 2.110.000 veículos no maior mercado do mundo de autos, disse a empresa.

A China, que ultrapassou os Estados Unidos para se tornar o maior mercado mundial de automóveis em 2009, tornou-se cada vez mais importante para os players globais, como a General Motors e a Volkswagen, já que a demanda em seus mercados domésticos se deterioram.

As vendas de automóveis na China aumentaram mais de 32% do ano para passado para cá, batendo um recorde de 18,06 milhões de unidades, mas o setor, desde então, perdeu força depois de Pequim ter eliminado os incentivos de vendas, tais como redução de impostos para produção de pequenos motores de veículos.

A Associação Chinesa de Fabricantes de Automóveis espera um crescimento nas vendas de automóveis, para todo o ano de 2011, de apenas 5%, ante uma previsão anterior de 10% a 15%. Nos primeiros nove meses do ano, as montadoras venderam 13,6 milhões de veículos na China, um aumento de 3,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas