Como funciona a calcinaçãoCalcinação é um processo industrial que utiliza temperaturas muito elevadas, geralmente entre 800 a 1.000 graus Celsius ou superior, para alterar as propriedades físicas e químicas de diversos materiais sólidos, como minérios e metal. A origem do termo vem de um dos processos mais antigos e comuns de calcinação: A transformação do calcário, também conhecido como cálcio carbonato, cal ou óxido de cálcio. O método de calcinação é comumente usado para remover substâncias voláteis em um material, para melhorar a condutividade elétrica, ou para remover a água ou determinadas impurezas. O processo é usado em vários ambientes industriais, por exemplo, em refinarias de petróleo, em algumas plantas de reciclagem, e também é parte do processo de polpação ao fazer produtos de papel kraft.

Originalmente, a palavra calcinação foi usada para se referir a processos envolvendo o cálcio, como quando o calcário é transformado em cal. No entanto, o termo também é usado para descrever processos similares, utilizando temperaturas similares e equipamentos que não envolvem o cálcio. Por exemplo, a argila pode sofrer calcinação, mesmo que não haja nenhum presente do cálcio no material. A argila calcinada, por exemplo é anidro, o que significa que não contém água, já que esta foi removida pela calcinação. Esta argila calcinada é aproveitada como um abrasivo ou em diferentes tipos de revestimentos.

calcinaçãoAlgumas unidades de reciclagem aproveitam o método de calcinação para reciclar resíduos de produtos de metal, como moagens, lama, polimento e pastas. A calcinação também pode ser usada para transformar coque de petróleo, um subproduto da destilação do petróleo que contém uma grande quantidade de carbono, mas em uma forma mais pura do carbono. Este coque calcinado de petróleo pode ser usado para várias finalidades, como para produzir ânodos de carbono utilizados na produção de alumínio.

Várias formas de hidróxido de alumínio também podem sofrer de calcinação, sendo aquecidas a temperaturas superiores a 1.100 graus Celsius. Isto é feito para remover a água cristalina do material, transformando-o em uma alumina, ou óxido de alumínio, que tem outras propriedades e usos de hidróxido de alumínio. Alumina calcinada é produzida em vários graus e para vários fins, por exemplo, para uso na fabricação de produtos elétricos e eletrônicos e para produzir gemas sintéticas utilizadas em diferentes tipos de lasers. Calcinação também é usada para remover a água da bauxita, produzindo bauxita calcinada, usada para fazer óxido de alumínio.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica