Como calcular taxa de retorno sobre investimento Em economia, a taxa de retorno econômico, também conhecida como retorno sobre investimento, é uma medida de relação entre o valor ganho ou perdido e o valor de dinheiro investido, expresso em porcentagem.

Investidores profissionais utilizam a taxa de retorno sobre investimento para medir a eficiência com que uma empresa gera receita a partir de seus ativos. Através do cálculo da taxa de retorno, é possível identificar quais investimentos serão atraentes no futuro por causa de sua capacidade de produzir ganhos. Um retorno sobre investimento negativo também pode ajudar a identificar as instituições não lucrativas e ineficientes.

Como calcular a taxa de retorno sobre investimento:

Determine o custo do investimento. Se você deseja encontrar o custo de um investimento específico em uma empresa com capital aberto, ele sempre pode ser encontrado no relatório anual. O valor geralmente está no site de uma empresa com capital aberto, na sessão denominada “Investidores” ou “Relação com Investidores”. Custos de investimento específicos, juntamente com os custos de investimento totais, serão listados na declaração de renda.

Determine o valor atual do investimento. Se a empresa já vendeu o investimento, o ganho será listado na declaração de renda. Se a empresa não vendeu o investimento, os ganhos serão indicados como "não realizados". Ganhos não realizados são ganhos que seriam recebidos se os investimentos fossem vendidos agora. Quando o investimento for vendido, os ganhos são "realizados".

Como calcular taxa de retorno sobre investimento Calcule a taxa de retorno. O cálculo é o seguinte: [(Valor Atual de Investimento - Custo de Investimento) / (Custo de Investimento)] x 100

Por exemplo, se um investimento custou R$ 5 milhões e vale atualmente US $ 6 milhões, o cálculo seria:

[(R$ 6 milhões – R$ 5 milhões / (R$ 5 milhões)] x 100 = 20%

Vale lembrar que o cálculo para retorno sobre o investimento e, portanto, a definição, pode ser modificado para se adequar à situação, dependendo de o que será incluído como retornos e custos.

Por exemplo, um comerciante pode comparar dois produtos diferentes, dividindo o lucro bruto que cada produto tem gerado pelas suas respectivas despesas. Um analista financeiro, no entanto, pode comparar os mesmos dois produtos utilizando um cálculo totalmente diferente, talvez dividindo a rede de renda de um investimento pelo valor total de todos os recursos que têm sido empregadas para fazer e vender o produto.

Essa flexibilidade tem um lado negativo, já que cálculos de taxa de retorno podem ser facilmente manipulados para servir os propósitos do usuário e o resultado pode ser expresso de muitas maneiras diferentes. Ao usar essa métrica, certifique-se de quais métricas foram usadas.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia