Empregos na indústria petroquímicaA recente crise da economia levou a sociedade a repensar as formas como a indústria se desenvolve na segunda década do século 21. Quase todos os setores têm sido afetados pela crise econômica e ambiental. Em tempos de recessão, a indústria petroquímica pareceu ter sobrevivido melhor com as dificuldades, retomando a estabilidade antes de muitas outras áreas.

O setor petroquímico pode se tornar um dos fornecedores mais importante de vagas de emprego nos próximos anos, significando um retorno à dominância para o setor manufatureiro que abastece a indústria de componentes essenciais.

O equilíbrio da indústria petroquímica tem sido um fenômeno global, mesmo em locais considerados politicamente instáveis, como o Oriente Médio. O anúncio do Irã de que o país vai construir cinco novas usinas petroquímicas é um indicador-chave de que a nossa dependência em produtos petroquímicos não diminuiu de forma alguma. Trabalhar na indústria petroquímica ainda é visto como um dos movimentos mais eficientes na carreira industrial a longo prazo para aqueles que têm a experiência, qualificação e determinação de vencer.

No ano passado, o Irã e a Alemanha assinaram um contrato para construir uma fábrica de polietileno pesado na província de Kermanshah, no oeste do Irã. A unidade, cuja construção custará 150 milhões de euros, é vista como uma parte importante do desenvolvimento econômico do país e também representa um aquecimento das relações entre a Europa e o Oriente Médio. O setor público será responsável por 70% da administração da planta e operação, sendo o restante controlado pelo NPC.

Empregos na indústria petroquímicaUm plano de desenvolvimento e crescimento de 20 anos está previsto para incrementar os mercados globais da indústria petroquímica do Irã para US$ 20 bilhões por ano, tornando o país um grande jogador internacional na indústria petroquímica e o décimo maior produtor petroquímico do mundo. O país tem uma riqueza enorme de recursos naturais, bem como uma força de trabalho qualificada, acostumada a lidar com as demandas de uma indústria forte. Pode o crescimento petroquímico do Irã sinalizar um maior nível de atividade em toda a indústria em geral? Observadores acreditam que sim.

No entanto, o Irã tem a vantagem de grandes recursos de gás natural, uma habilidade e experiência prévia de satisfazer as necessidades de um mercado consumidor e um nível de especialização que outros países não têm. Mas onde o Irã vai, o resto do mundo deve seguir, e novos dutos e a construção de um grande terminal de gás no País de Gales pode significar que o número de empregos petroquímicos no Reino Unido e na Europa também podem aumentar proporcionalmente.

Estes são empregos a longo prazo, que oferecem estabilidade financeira e um grau de autonomia em uma indústria que depende de poucos recursos para selecionar seus elementos-chave.

As empresas de satélite que crescem em torno da indústria petroquímica também significam que as áreas que têm perdido vagas devido aos problemas da indústria pesada pode resultar na chegada de novos empregos de qualidade ligados à indústria petroquímica. Isso poderia significar que aqueles com habilidades e experiência que se pensava anteriormente serem de pouca utilidade para futuras carreiras poderiam rapidamente se encontram no topo da lista para demanda de empregos novamente.

O resultado de tudo isso é um setor que tem um plano de longo prazo para o crescimento e expansão.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Carreira Industrial
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Carreira Industrial