Fundição em areiaFundição é um processo de solidificação. Portanto, a microestrutura pode ser afinada, como estrutura granular, transformações de fase e precipitação. No entanto, defeitos, tais como a porosidade de encolhimento, rachaduras e segregação estão também intimamente ligados à solidificação.

Esses defeitos podem levar a uma redução das propriedades mecânicas. Um tratamento térmico posterior é, muitas vezes, necessário para reduzir as tensões residuais e otimizar as propriedades mecânicas.

Fundição em areia utiliza areia natural ou sintética, que é, basicamente, composta de um material refratário chamado de sílica (SiO2). Os grãos de areia devem ser pequenos o suficiente para que eles possam ser se juntar em densidade; no entanto, os grãos devem ser grandes o suficiente para permitir que os gases formados durante o metal despejado escape através dos poros.

Moldes de maior porte usam areia verde, uma mistura de argila, areia e um pouco de água. Areia pode ser reutilizada e o excesso de metal é cortado novamente e reutilizado também.

O processo é bastante simples: você faz um padrão do que você quer moldar. Em seguida, usa o padrão para fazer um molde de areia, depois despeja o metal fundido no molde. Após o metal congelar, você finaliza e tem a peça que deseja.

Fundição em areiaA qualidade da areia utilizada para moldagem em areia verde é crítica e determina o resultado favorável ou desfavorável da fundição. Ela controla as tolerâncias, acabamento superficial e a repetibilidade na produção. Lembrando que as tolerâncias de peças fundidas de areia são normalmente maiores do que os outros métodos de fundição.
Ex: engrenagens, polias, virabrequins, bielas, hélices, base de máquina pesada, etc

Os metais mais comuns são ferro, aço, latão, bronze e alumínio. O processo é usado para fazer peças médias e grandes, como corpos de válvula, componentes de locomotivas e trens e máquinas e equipamentos de construção. Da mesma forma, também pode ser aplicado para pequenas peças que fazem parte de máquinas maiores, como fivelas, puxadores, maçanetas e dobradiças.

O processo de fundição em areia envolve o uso de um forno, o molde-padrão, metal e areia.

O metal é derretido em um forno e depois derramado na cavidade do molde de areia, que é formada pelo padrão. O molde de areia se separa ao longo de uma linha de corte e o molde solidificado pode ser removido.

Vantagens da fundição em areia

  1. Baixo custo de materiais e equipamentos de moldes
  2. Uso para construir peças de grande porte
  3. Grande variedade de metais e ligas (ferrosos e não ferrosos) pode ser manipulado

Desvantagens da fundição em areia

  1. Superfície áspera
  2. Precisão dimensional pobre
  3. Alta tolerância de usinagem
  4. Granulação grossa
  5. Tamanho limitado de espessura da parede (2,5-5 mm)

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Metal Mecânica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Metal Mecânica