A montadora BMW está recordando quase 89.000 Mini Coopers, segundo citou no último domingo (15) A Administração Nacional de Segurança no Trânsito em Estradas, nos Estados Unidos, divulgando a ameaça de uma placa de circuito que pode causar incêndios nos automóveis.

"A bomba de água elétrica auxiliar que arrefece o turbo tem uma placa de circuito eletrônico que pode funcionar mal e gerar superaquecimento", disse a agência em seu site.

O recall afeta vários modelos de carros Mini Coopers construídos a partir de novembro de 2006 a Janeiro de 2011, incluindo o Countryman Cooper S, Cooper S JCW e Cooper conversível.

A empresa BMW disse que, a partir de fevereiro, os comerciantes irão substituir as bombas de água de graça.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas