Doenças ocupacionais: dermatite de contatoDermatite de contato é vermelhidão da pele e dor. É a doença de pele mais frequentemente relatada no local de trabalho, e uma das doenças ocupacionais mais comuns em segurança e medicina do trabalho, especialmente em áreas em que ocorre o intenso contato com produtos químicos, como na indústria química, no setor automotivo e na mineração. Um trabalhador pode contrair a dermatite de contato por meio de produtos químicos, detergentes ou produtos de limpeza. Alguns sinais de dermatite de contato incluem: vermelhidão, prurido e dor, escamação ou descamação, bolhas de água e rachaduras e sangramento.

Basicamente, existem dois tipos de dermatite de contato: a dermatite de contato irritativa e dermatite de contato alérgica. Uma alergia ocorre quando o corpo torna-se sensível a uma substância química. Uma dermatite irritante pode ser desencadeada por produtos como sabão ou outros produtos químicos. Uma alergia provoca a dermatite de contato de duas maneiras:
- reação imediata na pele chamada urticária de contato
- uma erupção cutânea chamada dermatite de contato alérgica.

Dermatite de contato irritativa acontece quando um agente irritante causa danos diretos à pele. Estes danos podem ser:
- agudos (súbitos e rápidos) após o contato com uma alta concentração de um produto químico que desencadeia uma reação com sensação de ardor.
- crônicos (persistentes) ou atrasados (quando se forma depois de meses ou anos de contato com um agente irritante).

A cada ano, milhares de reclamações são relatadas às empresas em razão da dermatite de contato. A dermatite irritativa é muito mais comum do que a dermatite de contato alérgica.

Dermatite de contato alérgica

Dermatite de contato alérgica tem a ver com o sistema imunológico do corpo. O sistema imunológico protege o corpo contra agentes externos que podem deixá-lo doente.

Dermatite de contato alérgicaAs células corporais reagem quando uma substância estranha entra nelas. A substância estranha pode ser um produto químico forte que é absorvido pela pele. Isso pode levar a uma resposta alérgica do organismo, como uma erupção cutânea. A erupção sai 24 a 96 horas após o contato.

A gravidade da reação depende de:
- quanto tempo e quantas vezes alguém tem contato com a substância
- quais problemas de pele, como erupções cutâneas, cortes, arranhões ou arranhões a pessoa tem (cortes deixam o alérgeno entrar no corpo)
- se a temperatura e a umidade no local de trabalho causam secura na pele ou excesso de suor
- outros fatores, como idade e história familiar de dermatite alérgica.

Dermatite de contato irritativa

A dermatite de contato irritativa torna a pele vermelha e dolorida por intermédio de contato direto com substâncias tóxicas no local de trabalho. Existem dois tipos de dermatite irritante: a dermatite de contato irritativa aguda e a dermatite de contato irritativa crônica.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Segurança do Trabalho
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Segurança do Trabalho