Petrobras contrata 26 sondas de perfuraçãoA Petrobras divulgou ontem que as empresas Sete Brasil e Ocean Rig fornecerão afretamento e operação de 26 sondas de perfuração, que serão construídas no Brasil.

Foram contratadas pela companhia de petróleo e gás 21 sondas (tipo "offline") com a Sete Brasil, pela taxa diária média de US$ 530 mil, e mais 5 sondas (tipo "dupla atividade") com a Ocean Rig, pela taxa diária média de US$ 548 mil. Ambos os contratos têm duração de 15 anos.

Petrobras contrata 26 sondas de perfuraçãoA implementação do projeto leva em conta a construção de novos estaleiros no país, além da utilização da infraestrutura já existente. A entrega de todas as unidades, com requisitos de conteúdo local entre 55% e 65%, deve acontecer no prazo entre 48 e 90 meses, de acordo com os cronogramas estabelecidos pelas empresas nos contratos.

Caso exista a obtenção de isenção de PIS/COFINS, há possibilidade de redução das taxas diárias. A expectativa é que as taxas diárias médias possam ser reduzidas para os valores de até US$ 500 mil no contrato com a Sete Brasil e US$ 535 mil no contrato com a Ocean Rig. Esses valores podem ainda ser reduzidos, caso as partes identifiquem e entrem em acordo a respeito de redução de custos operacionais.
-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Esta última contratação encerra o plano da Petrobras em ter 28 sondas de perfuração marítimas construídas no Brasil para atender aos programas de perfuração de longo prazo, especialmente nos poços de pré-sal.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás