Em evento realizado no Palácio do Planalto, o Grupo Gerdau assinou, em Brasília (DF), contrato com empresas chinesas para ampliar a Gerdau Açominas, a sua maior usina siderúrgica nas Américas, localizada em Ouro Branco (MG).

Apesar de a companhia não adiantar detalhes, o projeto é elevar a produção da unidade das atuais 3 milhões de toneladas para 4,5 milhões de toneladas até 2007. No período de 2005 a 2007, os investimentos totais do grupo no Brasil devem somar US$ 2,4 bilhões, incluindo a ampliação de outras plantas, que deverão resultar em um aumento de capacidade de 4,1 milhões de toneladas para 11,7 milhões de toneladas no Brasil.

A cerimônia teve confirmadas as presenças do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, de ministros, do presidente do Grupo Gerdau, Jorge Gerdau Johannpeter, do vice-presidente sênior, Frederico Gerdau Johannpeter, e do vice-presidente executivo da operação de negócios Gerdau Açominas, Luiz André Rico Vicente. A Gerdau também vai informar hoje os resultados financeiros relativos ao primeiro trimestre do ano.

Autor(es): Zero Hora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas