A definição de poluição sonora é quando um ruído intrusivo interrompe, distrai ou diminui o funcionamento regular de uma atividade. E, enquanto as pessoas imaginam que esse é um dos grandes problemas apenas das grandes cidades, com os sons concorrentes de muita gente em um espaço pequeno, a poluição sonora também pode ser encontrada em bairros afastados (com construções, trânsito, etc) e até mesmo nas casas particulares e escritórios em níveis que podem ter um impacto negativo na sua saúde e produtividade.

Muitas profissões exigem que os empregados estejam expostos a altos decibéis. Você não precisa trabalhar ao lado de máquinas e equipamentos industriais para sofrer de poluição sonora, no entanto. Empregadores e empregados devem estar cientes dos perigos da poluição sonora no local de trabalho e trabalhar para reduzir o ruído no ambiente.

-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------
A perda auditiva é um perigo real quando se fala em segurança do trabalho, não apenas para aqueles na linha de frente da poluição sonora como para engenheiros de metrô, DJs e operários de fábrica, mas também para trabalhadores de escritório, professores e enfermeiros. A Occupational Safety and Health Administration (OSHA) estabeleceu diretrizes para proteger de danos auditivos os trabalhadores em postos de trabalho de alto risco.

Outros trabalhadores devem monitorarar sua própria segurança. Fones de ouvido são um dos principais contribuintes para a perda auditiva. Usar fones de ouvido para falar ao telefone ou ouvir música ou outros sons para abafar o ruído no local de trabalho pode ser prejudicial. Fones de ouvido devem ser mantidos abaixo dos 80 decibéis para serem seguros.

O estresse é outro fator relacionado à poluição sonora. Um trabalho barulhento em um vizinho ou o zumbido de um sistema de ar condicionado no escritório podem ser agravantes. É possível encontrar auscultadores de redução de ruído ou protetores auriculares que são capazes de tornar o local de trabalho um lugar mais calmo e mais seguro.

A poluição sonora em construções é um dos principais agentes de ruído excessivo no ambiente de trabalho
A poluição sonora em construções é um dos principais agentes de ruído excessivo no ambiente de trabalho


Proprietários de pequenas empresas também devem cuidar de seus funcionários e de si mesmos, com a adoção de um seguro de empresa de pequeno porte para se proteger de perdas em sua linha de fundo.

Causas da poluição sonora

Embora existam muitas fontes diferentes de poluição sonora, há alguns culpados principais que têm sido pesquisados e, como resultado, apresentam impacto negativo sobre a saúde.

A poluição sonora de aviões, por exemplo, tem um impacto negativo significativo sobre a saúde e o bem-estar daqueles que vivem perto de aeroportos. Isso pode incluir doenças cardíacas, pressão alta e estresse crônico. Já os carros emitem sons no trânsito em ruas movimentadas e mesmo baixos níveis de ruído podem ser prejudiciais.

No local de trabalho, a maioria de nós pode pensar em linhas de montagem ou locais de construção com alto nível de ruído quando pensamos em poluição sonora no local de trabalho, e enquanto estes exemplos definitivamente são coerentes, escritórios comuns não estão imunes. Com mais pessoas nos espaços dos escritórios, o barulho é uma queixa comum. Colegas que falam alto, barulho de digitação ou outros ruídos que distraem podem diminuir a produtividade das pessoas ao redor.

Efeitos negativos da poluição sonora

Muitos estudos têm sido realizados para estudar os efeitos da poluição sonora na saúde e bem-estar, e os resultados têm mostrado que a poluição sonora pode impactar negativamente a produtividade e a saúde.

Todos sabem que o ruído pode ser uma distração e as pesquisas científicas mostram isso. Um estudo examinou crianças expostas ao ruído de um aeroporto e descobriu que sua capacidade de leitura e memória de longo prazo foram prejudicadas. Aqueles que trabalham em ambientes ruidosos também se tornam menos cognitivamente motivados e têm níveis mais elevados de estresse, segundo um estudo da Universidade de Cornell (EUA).

Em segurança do trabalho, aparelhos para medir a poluição sonora são usados para diminuir o barulho nas indústrias, escritórios e empresas

Em segurança do trabalho, aparelhos para medir a poluição sonora são usados para diminuir o barulho nas indústrias, escritórios e empresas

Talvez o mais grave problema criado pela poluição sonora é o impacto que tem sobre nossa saúde. Como a poluição sonora pode provocar no corpo uma resposta ao estresse, um dos seus principais efeitos sobre a saúde é o estresse crônico e os altos níveis de hormônios do estresse que aparecem com ele.

Como resultado, a poluição sonora também tem sido associada com doenças cardíacas, pressão alta e derrame, além de problemas músculo-esqueléticos . Um estudo da mesma Universidade de Cornell sobre o ruído de uma secretaria constatou que aqueles que trabalham em ambientes de escritório barulhentos também são menos propensos a ajustar suas estações de trabalho ergonomicamente para maior conforto, o que pode contribuir para problemas físicos.

A poluição sonora também afeta a qualidade do sono, impedindo um descanso completo e interrompendo os ciclos noturnos. E, talvez mais significativamente, porque o estresse crônico pode reduzir a sua imunidade para todas as doenças, a poluição sonora é uma ameaça para a saúde geral e bem-estar.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Segurança do Trabalho
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Segurança do Trabalho