Toyota faz recall de 681.500 veículos nos EUAQuestões de segurança fizeram a Toyota pedir, nos EUA, o recall de 681.500 veículos dos modelos Camry e Venza. O fato representa um revés para os esforços de reconstrução da imagem da empresa japonesa após incidentes similares nos últimos anos.

Os carros apresentam vazamentos de graxa de silicone que podem causar problemas de partida. Outros 495.000 veículos da linha Tacoma precisam de reparos para volantes com defeito que podem desativar o airbag do motorista.

-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

"A Toyota está atrás das peças de reposição necessárias. Uma vez que as peças de reposição estiverem disponíveis, iremos notificar os proprietários", disse a empresa em um comunicado oficial.

A terceira maior montadora do mundo conseguiu fazer grande parte de sua recuperação dos desastres naturais do ano passado no Japão e os executivos da empresa no Salão Automóvel de Genebra têm feito declarações ousadas sobre a rapidez com que a Toyota irá crescer nos próximos meses e anos.

Mas, com outro recall em massa em curso - pouco mais de dois anos após o último -, há preocupações reais de que a reputação da montadora para qualidade e segurança faça com que os consumidores deixem de confiar na marca.

Mais de 70 mil Toyota Camry 2012 serão recolhidos por causa de problemas de segurança automotiva

                                Mais de 70 mil Toyota Camry serão recolhidos por causa de problemas de segurança automotiva

A Toyota recentemente perdeu seu título de maior montadora do mundo e, com mais problemas de qualidade sendo descobertos, a empresa tem cada vez mais dificuldaes em convencer os consumidores e investidores de que é a melhor.

Apesar disso, a Toyota continua a ser empresa de carros mais valiosa do mundo, em relação à capitalização de mercado. Mesmo esse posto pode estar em risco, já que a diferença entre a Toyota e o segundo maior player do mercado, a alemã Volkswagen, diminuiu drasticamente nos últimos meses.

O recall acontece em um momento em que a Toyota não está apenas buscando reconstruir sua imagem de marca, mas também tentando reconquistar sua fatia de mercado que perdeu para os concorrentes após o terremoto e tsunami do ano passado.

Sua imagem ficou arranhada depois de a montadora, uma vez conhecida pela sua qualidade e controle de qualidade de segurança, fazer o recall de quase 12 milhões de veículos nos últimos dois anos e meio por várias razões. Apenas em 2012, foram 14 recolhimentos diferentes.

Analistas afirmam que o mais recente anúncio vai prejudicar a empresa, mas não atrapalhar seu processo de recuperação. "Parece ruim para a Toyota, especialmente após os problemas do passado," Hans Greimel do Automotive News, disse à BBC. "Mas é uma colisão na estrada em seu caminho para a recuperação, e não um bloqueio na estrada principal".

As vendas da Toyota nos EUA aumentaram 12% em fevereiro, em relação ao ano anterior. Analistas disseram que a tendência ascendente provavelmente continuaria nos próximos meses, apesar do recall. "Vamos ter novos produtos este ano e no próximo ano. Isso vai fazer muito para revigorar a marca", disse Greimel.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas