polia da cambotaA fim de executar corretamente a remoção da polia da cambota sem danificar a peça, ou balanceador harmônico, como é mais comumente chamado, o melhor é obter uma ferramenta de remoção harmônica. Esta ferramenta também pode ser crítica, dependendo do estilo do dispositivo, durante a instalação do balanceador.

A tentativa de remoção completa da polia da cambota sem o auxílio de um instrumento de remoção especializada quase sempre resulta em um balanceador danificado que vai requerer a substituição.

O virabrequim também deve ser protegido durante o processo de remoção da polia, instalando um parafuso harmônico de volta para o virabrequim. Isto é melhor realizado através da remoção da anilha que está no parafuso da cambota antes de reinstalar no parafuso no equipamento.

A melhor dica na remoção da polia da cambota é absolutamente nunca, em circunstância alguma, utilizar um extrator de tipo mandíbula para remover a polia da cambota. Existem vários tipos e estilos de ferramentas de remoção no mercado. Algumas destas ferramentas podem ser usadas para instalar o balanceador harmônico, sem danificar o anel de borracha instalado no balanceador.

A remoção da polia requer cuidado para não danificar o balanceador.

                                      A remoção da polia requer cuidado para não danificar o balanceador.

Muitas vezes, a aplicação de lubrificante de silicone pulverizado diretamente sobre a frente da cambota e na polia irá ajudar a soltar a polia do equipamento. Para uma teimosa remoção da polia, uma vez que a pressão inicial é aplicada à polia com a ferramenta de remoção, alguns toques para o centro da ferramenta de remoção com um martelo gradualmente irá soltar a polia. A remoção da polia cambota é normalmente um exercício simples e direta, desde que as ferramentas apropriadas sejam usadas desde o início.
-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Um dos problemas mais frequentes decorrem de não se aproveitar a ferramenta extratora reta e quadrado no parafuso do virabrequim. Qualquer tentativa de puxar a polia fora da cambota enquanto que o puxador estiver torto irá resultar na difícil remoção da polia e poderia mesmo ocasionar danos à cambota.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Máquinas & Equipamentos
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Máquinas & Equipamentos