BP O grupo britânico do setor de petróleo e energia BP afirmou em 27 de março que concordou em vender ativos, incluindo dos campos de gás no Mar do Norte para a empresa anglo-francesa Perenco por US $ 400 milhões, em dinheiro.

O acordo para vender os ativos de gás do sul (SGA) também ajuda a BP a desbloquear bilhões de dólares que servirão paraa cobrir os custos de compensação relacionados com o derramamento de óleo no Golfo do México (2010), causado por uma explosão na plataforma Deepwater Horizon, alocada pela BP.

Os ativos incluem algumas plataformas tripuladas e não tripuladas ao largo da costa de Yorkshire, norte da Inglaterra, e um terminal de Dimlington. "Estamos satisfeitos por ter chegado a este acordo com a Perenco”, disse Trevor Garlick, presidente regional da BP no Mar do Norte, em um comunicado da empresa.

"A companhia Perenco está empenhada em investir e desenvolver SGA além dos planos da BP, em última análise, proporcionando um futuro a longo prazo para os ativos e as pessoas que lá trabalham". A produção líquida atual dos ativos SGA é de aproximadamente 25.000 barris de óleo equivalente por dia.

No ano passado, a Perenco havia comprado um campo de petróleo da BP em Dorset, sudoeste da Inglaterra, juntamente com três outros campos vizinhos, pelo valor de US $ 610 milhões.
-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

A BP acrescentou que, incluindo a última venda, já arrecadou US $ 23 mil milhões de ativos em alienação desde 2010 – sendo que ainda conta com a meta de US $ 38 bilhões que espera cumprir até o final do próximo ano - para atender os seus custos de indenização pelo derramamento de petróleo.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás