lixiviação A biomineração é um método de extração de minerais e metais de minérios que ocorrem naturalmente utilizando processos biológicos. A prática não exige nenhum dos procedimentos ambientalmente nocivos encontrados em métodos convencionais de refino, mas depende inteiramente da interação natural dos organismos biológicos. O processo também tem provado ser eficaz na forma viável de extrair minerais de minério de baixo grau e rejeitos anteriormente considerados inutilizáveis.

A biomineração consiste de duas técnicas de refinamento diferentes: lixiviação ou bio-oxidação. Embora o refinamento biológico de minerais se mostre uma grande promessa no tratamento de uma variedade de elementos, a maioria das atividades de mineração biológica estão centradas na extração de cobre e ouro.

Métodos convencionais de extração de minerais dependem da aplicação de produtos químicos tóxicos na presença de temperaturas extremamente altas, processos esses que, muitas vezes, deixam para trás muita destruição ambiental, enfermidade e morte. Esses fatores levaram à busca por métodos de refinamento mais limpos e seguros, que estivessem em linha com a crescente movimentação global em direção às soluções verdes.

A lixiviação é uma forma de biomineração

                                                         A lixiviação é uma forma de biomineração

Nesse sentido, a biomineração tornou-se um dos mais promissores métodos, envolvendo totalmente os processos biológicos naturais para sua eficácia. Estes métodos de refinamento necessitam de pouca intervenção para iniciar, não produzem subprodutos tóxicos ou emissões e não necessitam de fontes de combustível externas. Representada pelos processos de lixiviação microbiana e oxidação, a extração mineral biológica tem muitos potenciais de aplicação, mas é, no momento, principalmente utilizada para processar ouro e cobre.

O processo de biolixiviação, uma das duas técnicas de refinamento, é um exemplo clássico da simplicidade dos métodos de biomineração. O minério de baixo grau é despejado como uma pilha de lixiviação, e embebido com uma lavagem fraca de ácido sulfúrico. A reação do ácido com a matriz do minério sulfureto estimula o crescimento da bactéria Ferrooxidans Thiobaccilus, que degrada o minério e liberta o metal ou os depósitos minerais em uma solução de fluido. Este líquido mineral rico é recolhido e separado e o ácido sulfúrico residual é reutilizado para o ciclo de lixiviação seguinte.
-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

O método segundo, a bio-oxidação, é amplamente utilizado para preparar o ouro refratário, transportando minério para a extração. Este processo consiste em expor o minério à oxidação bacteriana, que decompõe os componentes arsênicos. Isto permite que o minério seja processado utilizando métodos bem menos agressivos com reduzidas implicações ambientais.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Mineração
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Mineração