Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Samarco vai otimizar a produção

Mais notícias relacionadas a empresas:

Golden apresenta lâmpadas com elevado fator de potência
Linha possibilita usar luz fluorescente em locais grandes com pé direito alto, oferecendo ótima iluminação.


Banco do Brasil facilita compra de equipamentos
BB Crédito Empresa serve para companhias que faturam até R$ 90 milhões anualmente


Honda Brasil investe em energia eólica
Novo parque de energia irá suprir toda a demanda da fábrica de Sumaré (SP) e ...


A Samarco Mineração, joint venture entre a Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) e a australiana BHP Billiton, vai investir US$ 8 milhões (cerca de R$ 22 milhões) na construção de uma terceira estação de bombas, no município de Abre Campo (MG), para otimizar o seu mineroduto, localizado entre Mariana (MG) e Anchieta (ES). Segundo o gerente geral de desenvolvimento industrial da Samarco, Márcio Perdigão, a empresa vai aproveitar uma pequena folga no mineroduto para bombear a polpa de minério de ferro na sua capacidade máxima.

"Identificamos que com uma terceira estação conseguiríamos atingir sua capacidade máxima", disse Perdigão, que ressaltou que essa otimização visa a acompanhar a forte demanda por pelotas de minério de ferro em todo o mundo. As obras começaram dia 16 de maio e deverão ser finalizadas em outubro.

Atualmente, o mineroduto transporta 15,5 milhões de toneladas por ano. Com a nova estação, transportará 16,5 milhões de toneladas, uma capacidade 38% maior em relação aos 12 milhões projetados em sua construção, há 28 anos. O equipamento transporta a polpa de minério de Mariana até Anchieta em uma viagem de 63 horas, a 6,5 quilômetros por hora. Em 28 anos, o mineroduto - o maior do mundo, informou a Samarco - transportou 239 milhões de toneladas.

Segunda exportadora mundial de pelotas de minério de ferro, a Samarco está investindo US$ 24 milhões (entre 2004 e 2005) na otimização da sua produção, sendo que a terceira estação de bombas é o último estágio desse processo. O próximo passo será o investimento para aumentar a capacidade de produção, já que as usinas da Samarco estão operando com a capacidade máxima.

O conselho da empresa deverá se reunir no início do segundo semestre para discutir a expansão, que deverá receber aporte de US$ 750 milhões. A companhia pretende construir uma terceira usina pelotizadora no Espírito Santo, com capacidade para 7 milhões de toneladas anuais e início de operação em 2008; uma segunda usina de tratamento de minério de ferro, em Mariana; e um segundo mineroduto entre Minas Gerais e Espírito Santo.

kicker: Empresa vai investir US$ 8 milhões para maximizar seu mineroduto em 1 milhão de toneladas anuais de minério.

Gazeta Mercantil

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a empresas:

O que é espionagem industrial

A espionagem industrial é uma tentativa de obter acesso a informações sobre planos da empresa, produtos, clientes ou segredos comerciais. Na maioria dos casos, tal conduta, especialmente quando se trata ...
Minério de ferro e ouro impulsionarão lucro da Vale

O avanço no preço do minério de ferro, que cresceu aproximadamente 23% até março, na comparação com o quarto trimestre de 2012, e o acordo ...
Kia Motors faz recall no Brasil

No dia 1º de maio, tem início o recall dos carros modelos Soul, Carens, Carnival e Sorrento (anos 2007 e 2008) e Sorento (2009 a 2011), da montadora Kia ...
Agrale apresenta caminhões na Agrishow 2013

A Agrale apresenta na Agrishow 2013 dois modelos da sua linha de caminhões, o Agrale 8700 e o 14000. A feira acontece entre os dias 29 de abril e ...
Klüber Lubrication investe na gestão do conhecimento

A subsidiária da América Latina da Klüber Lubrication, especializada em soluções com lubrificantes especiais, definiu a gestão do conhecimento como um dos principais pontos da ...
Fiat ultrapassa 5 milhões de carros flex feitos no Brasil

A Fiat ultrapassou nesta semana a marca de 5 milhões de automóveis e comerciais leves produzidos com a tecnologia Flex Fuel. Atualmente, 99% dos veículos produzidos para ...
Bener Presses lança máquina de corte laser por fibra ótica

Na Feimafe 2013, o Grupo Bener apresentará a máquina de corte laser por fibra óptica modelo BLS-F 3015/2000, da Baykal, fabricante turca representada exclusivamente desde 2011 no Brasil ...

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google