Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Fiat oferece corte de preço do combustível para compradores italianos

Compradores de carros novos podem tirar proveito deste preço por três anos.

Mais notícias relacionadas a economia:

Definição de otimização restrita
Na microeconomia de uma empresa, conceito de otimização é usado para maximizar a produção e ...


O que é capital de risco verde
Junto com a ênfase na natureza ecológica da operação comercial, empresas que buscam capital de ...


Definição de valor contábil
Dois dos principais fatores que entram no cálculo do valor escrito, ou contábil, são depreciação ...


Fiat A montadora de veículos italiana Fiat (IW1000/81), em 1 de junho, ofereceu os compradores de carros novos a oportunidade de comprar combustível ao equivalente a um euro (EUA $ 1,24) por litro, cerca da metade do preço atual na Itália, por um período de até três anos.

A oferta, que será divulgada entre os meses de junho e julho, só se aplica aos carros da Fiat comprados na Itália, e não se aplica a outras marcas pertencentes ao grupo, que incluem Alfa Romeo, Lancia, Maserati e Ferrari.

Sob o acordo, os compradores receberão um cartão inteligente que lhes permitirá comprar uma quantidade de gasolina ou gasóleo ao preço de corte, dependendo do modelo adquirido, a partir de 4.500 litros de gasolina para o novo SUV Freemont ou quantidade menor de combustível para um pequeno Panda.

Corte de preço do combustível é medida para incentivar compra de carros.

Corte de preço do combustível é medida para incentivar compra de carros.

Os cartões são válidos em qualquer uma das 4.200 estações de serviço IP na Itália por três anos, a contar da data de aquisição do carro.

Os preços da gasolina estão girando em torno de dois euros por litro, na Itália, com apenas um aumento de dois cêntimos para ajudar a pagar a reconstrução de áreas no nordeste do país atingidas por dois tremores de terra no mês passado.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

O Ministério dos Transportes disse em 1º de junho que as vendas de carros novos caiu em maio pelo, reflexo da recessão que assola a terceira maior economia da Zona do Euro. As vendas da Fiat foram 11,2% menores em maio, mas a sua quota de mercado aumentou para 31,6%, de acordo com dados do Ministério.

A montadora, que também é proprietária das marcas Chrysler, Dodge e Jeep, recebeu um impulso de vendas nos Estados Unidos, que tece um salto de 30% em relação do começo do ano até maio.


Editora

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a economia:

Governo incentiva indústria farmacêutica

Foi lançado na última quinta-feira (11/4) um pacote de medidas com o objetivo de impulsionar a indústria brasileira no setor de saúde. A iniciativa do Governo ...
O que é liquidação na economia

Liquidação é o processo de tomada de ativos reais de um negócio para transformá-los em dinheiro, seja para pagar dívidas ou para obter um lucro pessoal. A ...
Definição de Integração Econômica

A integração econômica é um processo em que as barreiras ao comércio são reduzidas ou eliminadas para facilitar o comércio entre as regiões ou na ...
O que é colapso econômico

Um colapso econômico é uma situação em que a economia local, regional ou nacional passa por uma crise dramática, que afeta negativamente a capacidade das pessoas que vivem ...
O que é Mercantilismo

Mercantilismo é uma das maiores teorias econômicas que diz que a riqueza de uma nação pode ser medida pelo seu pronto fornecimento de capital. O mercantilismo afirma que a ...
O que é democracia econômica

Democracia econômica é uma filosofia de socioeconomia. Socioeconomia é o estudo e a exploração da economia quando vista no contexto de valores sociais humanos, comportamentos e interações. Dentro deste ...
JPMorgan nomeia novo presidente global de mercado de capitais

JPMorgan Chase & Co. (JPM), o maior banco dos EUA em ativos, continuou insuflando a gestão em seu banco corporativo e de investimentos, nomeando Kevin Willsey como o novo presidente ...

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google