BASF A gigante indústria química BASF confirmou em 14 de junho que espera que as vendas na China dobrem num prazo de oito anos graças à rápida urbanização na segunda maior economia mundial.

A maior empresa química do mundo tem como objetivo alcançar vendas de 29 bilhões de euros (EUA 36.000 milhões de dólares americanos) na Ásia em 2020 e "cerca de metade do que é a China", disse Martin Brudermueller, vice-presidente do conselho de diretores executivos.

"A BASF está muito ansiosa para aumentar a sua participação aqui", disse Brudermueller. Ele disse que a previsão otimista foi impulsionada pela urbanização rápida na China, onde o aumento do consumo de bens está criando uma enorme demanda por produtos químicos que são cruciais na indústria transformadora.

O mercado químico mundial gerará US $ 3 trilhões até 2020, e metade desse aumento virá da China, disse Brudermueller.

A BASF anunciou em 2010 que iria dedicar metade do total dos investimentos programados para a China até 2014 - ou mais de um bilhão de euros.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

A empresa emprega mais de 7.000 pessoas no país e tem unidades em Xangai e na cidade oriental de Nanjing, com outra unidade para entrar em operação em 2014, no sudoeste do município de Chongqing.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas