Ford Funcionários britânicos da Ford realizaram uma greve de 24 horas no último dia 16 de junho em uma disputa sobre salários e pensões.

O sindicato Unite disse que a greve afetaria as plantas de produção em Dagenham, no leste de Londres, além de Bridgend, ao sul do País de Gales; Halewood, no noroeste da Inglaterra e Southampton, no sul da Inglaterra.

A Unite, que representa cerca de 1.200 trabalhadores nas fábricas inglesas da Ford, disse que os funcionários estavam "furiosos" com os planos de reduzir a faixa salarial partir do próximo ano e fechar o regime de pensões para os novos empregados.

"Até hoje a Ford não conseguiu fazer todas as tentativas genuínas para resolver essa disputa", disse a Unite. A disputa não envolve os trabalhadores da produção, apesar de Unite dizer acreditar que a greve iria afetar a produção. Um porta-voz da Ford disse que a grande maioria dos funcionários da empresa não foi envolvida na greve.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

"A Ford continua disposta e disponível para continuar as discussões com o sindicato que representa esses trabalhadores", disse o porta-voz.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas