Métodos para medir a corrente elétricaExistem vários métodos diferentes para a medição da corrente, cada um com suas vantagens e desvantagens. A definição de corrente é o fluxo de uma carga elétrica através de um componente, tal como um fio ou lâmpada. O nível de corrente, geralmente expresso em ampères, é proporcional à quantidade de elétrons que se movem através de um dispositivo.

Dispositivos que são projetados para medir a corrente usam a chamada Lei de Ohm, que afirma que a corrente é igual a tensão dividida pela resistência. Embora todos os métodos atuais de detecção sejam baseados neste princípio, o design real de instrumentos construídos para esta finalidade pode variar.

----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

O método escolhido por um usuário para medir a corrente é, muitas vezes, influenciado pela tarefa em mãos. Equipamentos de bancada de potência são geralmente utilizados durante a concepção inicial e ensaio de um novo circuito. Já os multímetros portáteis são comuns para testes de campo e solução de problemas, enquanto que os circuitos integrados podem ser instalados em um produto final para a resposta automática atual.

Uma fonte de alimentação de corrente contínua (CC) de bancada é uma das formas mais comuns de medição de corrente. Este tipo de dispositivo pode ser ajustado para produzir uma tensão especificada e é útil para fazer experiências.

Modelo de bancada para medição da corrente

                                                             Modelo de bancada para medição da corrente

Esses suprimentos normalmente têm várias leituras analógicas ou digitais, que mostram tanto a configuração de tensão e quantidade de corrente que está sendo puxada por um circuito. Quando a fonte de alimentação está ligada a um componente, o circuito interno automaticamente mede a corrente. As leituras amplas e controles simples tornam uma fonte de bancada conveniente para realizar esses trabalhos, mas muitos não têm a capacidade de gravar os valores atuais.

Multímetros digitais podem também ser utilizados para a medição da corrente. Ao contrário dos equipamentos de bancada, a maioria dos multímetros é leve e compacta. O tamanho reduzido permite sua utilização em locais remotos, mas também pode torná-los difícil de ler e ajustar.

Alguns medidores avançados podem registrar as leituras atuais e exibir esses valores salvos em um computador para análise posterior. Multímetros normalmente não são projetados para gerar uma tensão ajustável, o que limita sua capacidade de realizar experiências com novos circuitos.

Circuitos integrados (CIs) de sensores estão disponíveis para aplicações especializadas de medição. Estes pequenos chips não apresentam os dados atuais diretamente, mas são projetados para serem integrados em um projeto maior.

A maioria dos circuitos integrados projetados para corrente de medição vai apresentar o valor detectado como um valor de tensão. Este tipo de chip pode ser ligado a um microcontrolador ou computador e permite que um dispositivo monitore por conta própria. Um robô industrial, por exemplo, pode usar uma corrente de detecção IC para desligar automaticamente se uma alteração perigosa é detectada na corrente.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Elétrica & Eletrônica
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Elétrica & Eletrônica