Sistema flexível de fabricaçãoUm sistema flexível de fabricação (SFF) é um tipo de processo industrial que permite que o equipamento seja utilizado para mais do que uma função, embora possam estar relacionadas. O equipamento é, muitas vezes, usado para fazer peças personalizadas ou para diferentes modelos de produtos. Este tipo de sistema de fabricação flexível pode ser alterado manualmente mas, em grande parte, costuma ser controlado por computador e alterado através de um processo inteiramente automatizado.

O principal objetivo de um sistema de produção flexível é oferecer a velocidade necessária para mudar as condições de mercado rapidamente, sem sacrificar a qualidade. Um equipamento que faz isso de forma mais eficaz provavelmente foi projetado para realizar dois ou mais propósitos.

----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------


Mesmo que seja possível modificar ou reabilitar alguns tipos de equipamentos industriais para fazer diversos trabalhos de forma adequada, sistemas de produção mais flexíveis são projetados para mais de um propósito desde o início.

Embora o equipamento para um sistema de manufatura flexível possa inicialmente ser mais caro do que o equipamento tradicional, o objetivo geral a longo prazo é reduzir as despesas. Os fabricantes podem economizar dinheiro usando o mesmo equipamento para executar essencialmente duas ou mais funções.

Com equipamento tradicional, a fabricação de dois produtos diferentes não só pode exigir peças diferentes de equipamento, mas também duas linhas diferentes e, talvez, duas instalações diferentes. Portanto, um sistema de produção flexível pode reduzir a sobrecarga, apesar de custos iniciais mais altos.

Indústria automobilística se beneficia de forma substancial do modelo flexível de manufatura

Indústria automobilística se beneficia de forma substancial do modelo flexível de manufatura

Um dos exemplos mais comuns de um sistema de manufatura flexível pode ser visto na fabricação de automóveis. Certos equipamentos são usados para conectar as portas para um sedan. Com apenas alguns ajustes simples, a mesma linha e equipamentos podem ser usados para prender as portas em um veículo utilitário esportivo ou em algum outro tipo de veículo. Muitas vezes, a transição pode ocorrer com interferência mínima na linha de produção e pode mesmo acontecer durante os turnos.

Na verdade, a indústria automobilística pode potencialmente economizar uma quantidade substancial de dinheiro usando um sistema de manufatura flexível. Um relatório de 2004 indicou que a Ford Motor Company economizou aproximadamente 2,5 bilhões de dólares com a simples aplicação de sistemas flexíveis em cinco fábricas. A empresa estimou que reduziu pelo menos pela metade o custo de fabricação de modelos atualizados utilizando esse sistema.

Em alguns casos, as máquinas não só podem ser utilizadas para produzir ou montar peças diferentes para diferentes modelos, mas também para fazer personalizações. Estas customizações, sem um sistema flexível, levariam muito mais tempo e seriam muito mais caras para o cliente. A utilização de máquinas com capacidade flexível não apenas acelera o processo, mas pode melhorar a satisfação do cliente, diminuindo o preço do produto final.

Autor(es):

facebook      twitter      google+

Automação Industrial
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Automação Industrial