consumo de capital fixoCapital fixo refere-se aos ativos fixos de uma empresa, incluindo edifícios e equipamentos de fabricação. O valor deste capital é continuamente depreciado devido ao desgaste ou, simplesmente, aos efeitos do tempo. Consumo de capital fixo refere-se à porção destes ativos que foram utilizados ao longo de um período específico de tempo. Enquanto o consumo de capital fixo é semelhante à depreciação, estes dois conceitos têm algumas diferenças importantes em termos de seus usos e como eles são calculados. Consumo de capital fixo também pode ser conhecido como o ajuste de capital de consumo, o subsídio de consumo de capital, ou simplesmente CFC.

Não importa quão cuidadosamente um negócio mantém seus equipamentos e bens ao longo do tempo, esses ativos perderão valor com o tempo. Esta perda de valor pode ser atribuída ao desgaste, à idade ou à utilização excessiva. Também pode ocorrer devido a acidentes ou danos, além de atos da natureza. O conceito de consumo de capital fixo também pode ser atribuído à nova tecnologia, o que deixa um negócio ou equipamentos obsoletos. O consumo de capital fixo reflete o valor de todas essas perdas, bem como quaisquer despesas adicionais incorridas na substituição desses bens.

O capital fixo envolve todos os ativos fixos de uma empresa

O capital fixo envolve todos os ativos fixos de uma empresa

Enquanto a depreciação tradicional é calculada com base no custo histórico de um item, o consumo de capital fixo reflete o valor perdido com base em preços atuais. Isto significa que o CFC é frequentemente muito maior do que a depreciação, uma vez que reflete o custo de reposição verdadeiro, não de custos passados.

As empresas preferem usar consumo de capital fixo, em vez de depreciação porque lhes traz maiores benefícios financeiros. Esta perda de valor pode ser aplicada como um write-off contra o resultado bruto da empresa para fins fiscais e contábeis, o que ajuda a economizar o dinheiro da empresa. Dado que o valor do capital está em constante mudança, o consumo de capital fixo deve ser recalculado para cada período contábil, a fim de refletir o seu verdadeiro valor.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

O consumo de capital fixo também é usado em análise macroeconômica quando se estuda a economia como um todo. Por exemplo, o produto interno bruto, ou nacional bruto, (PIB ) pode ser calculado pela adição de renda agregada de um país, mais todos os impostos das empresas para um CFC agregado. Os economistas também podem calcular o produto interno líquido (PIL), subtraindo o CFC do PIB.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia