Fresa CoroMill 300, do desbaste ao semi-acabamentoA CoroMill 300 foi desenvolvida pela Sandvik Coromant dentro de um conceito de corte leve de fresas, utilizando pastilhas redondas, permitindo alta produtividade desde o desbaste ao semi-acabamento. Pode ser utilizada em vários materiais e altos avanços, com segurança.

A fresa pode ser empregada em grande variedade de materiais, como aços-ferramenta comuns, aços endurecidos, até materiais de difícil usinagem, casos do titânio e dos aços inoxidáveis. Segundo a Sandvik, a ferramenta permite a produção de peças de alta qualidade, com avanços e velocidades elevados.

Entre as aplicações, estão o faceamento geral com altos avanços e fresamento de superfícies multicurva, assim como no fresamento de lâminas e cavidades de peças aeroespaciais e de retoque de cavidades estreitas. É classificada ainda como ferramenta básica para a fabricação de moldes e matrizes.

De acordo com a fabricante, a CoroMill é uma ferramenta eficaz que pode ser usada na maioria das máquinas-ferramentas, aumentando a capacidade destas, sejam elas de cone 30, de cone 50 para altos avanços ou ainda uma máquina multitarefa.

A Sandvik também classifica a CoroMill 300 como uma boa escolha para o fresamento de acabamento (graças às pastilhas de alta precisão), quando um acabamento superficial moderado for aceitável. E também quando longos balanços forem obrigatórios, já que possibilita altas taxas de remoção, sem vibrações, com ferramentas longas e curtas.

Autor(es): Usinagem Brasil

facebook      twitter      google+

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas