Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Diferença entre integração para frente e integração para trás

A integração para frente centra-se na forma em que uma empresa supervisiona a distribuição de seus produtos ou serviços.

Mais notícias relacionadas a empresas:

Golden apresenta lâmpadas com elevado fator de potência
Linha possibilita usar luz fluorescente em locais grandes com pé direito alto, oferecendo ótima iluminação.


Banco do Brasil facilita compra de equipamentos
BB Crédito Empresa serve para companhias que faturam até R$ 90 milhões anualmente


Honda Brasil investe em energia eólica
Novo parque de energia irá suprir toda a demanda da fábrica de Sumaré (SP) e ...


Diferença entre integração para frente e integração para trásNo mundo competitivo dos negócios, as empresas fazem o que for preciso para garantir uma posição de destaque no mercado. Um dos meios mais eficazes para este fim envolve o que é chamado de integração vertical, que assume duas formas: integração para frente e integração para trás. A integração para frente centra-se na forma em que uma empresa supervisiona a distribuição de seus produtos ou serviços. Por outro lado, a integração para trás se concentra em como uma empresa controla o fornecimento de seus bens (ativos e materiais).

O magnata do aço de renome mundial, Andrew Carnegie, foi pioneiro no conceito de integração vertical. Isso levou outros empresários a abraçar a ideia de fazer o possível para melhorar e tornar mais eficaz suas organizações fiscais. Essa abordagem de gestão se esforça para aumentar ou diminuir o grau de controle que uma empresa tem sobre seus suprimentos e sobre a alocação dos seus bens e serviços. As empresas que praticam a integração prática vertical controlam todas as facetas da produção, desde a obtenção dos materiais necessários até a venda do produto acabado.

Ao exercer este tipo de integração, uma empresa estabelece filiais que divulgam ou anunciam os bens da empresa para os clientes. As subsidiárias também poderiam usar esses produtos em si. Em essência, a companhia consolida-se com ou compra outra empresa que está abaixo dela na cadeia de fornecimento. Exemplos de integração para a frente incluem: um agricultor vender sua produção a um mercado da área, em vez de a um distribuidor; uma cervejaria comprar uma cadeia de bares, e uma empresa de atacado comprar um varejista.

A integração para trás aborda, estritamente, a regulação de bens ou suprimentos. A empresa espera expandir seus negócios e os lucros através da aquisição de fornecedores de materiais em uma tentativa de reduzir sua dependência em relação os fornecedores. Simplificando, o objetivo de integração para trás é que a empresa aumente seu poder de compra, enquanto reduz o número de seus fornecedores.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Alguns benefícios para este tipo de integração incluem a possibilidade de garantir redução de custos, a qualidade e a acessibilidade dos suprimentos e eficácia em sincronizar a fabricação com o estoque de pela empresa. Um exemplo de integração para trás é um produtor de cobre que adquire uma mina de extração, ou um fabricante de automóveis que compra também unidades de produção de pneus, vidro, componentes e outros suprimentos.


Editora

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a empresas:

O que é espionagem industrial

A espionagem industrial é uma tentativa de obter acesso a informações sobre planos da empresa, produtos, clientes ou segredos comerciais. Na maioria dos casos, tal conduta, especialmente quando se trata ...
Minério de ferro e ouro impulsionarão lucro da Vale

O avanço no preço do minério de ferro, que cresceu aproximadamente 23% até março, na comparação com o quarto trimestre de 2012, e o acordo ...
Kia Motors faz recall no Brasil

No dia 1º de maio, tem início o recall dos carros modelos Soul, Carens, Carnival e Sorrento (anos 2007 e 2008) e Sorento (2009 a 2011), da montadora Kia ...
Agrale apresenta caminhões na Agrishow 2013

A Agrale apresenta na Agrishow 2013 dois modelos da sua linha de caminhões, o Agrale 8700 e o 14000. A feira acontece entre os dias 29 de abril e ...
Klüber Lubrication investe na gestão do conhecimento

A subsidiária da América Latina da Klüber Lubrication, especializada em soluções com lubrificantes especiais, definiu a gestão do conhecimento como um dos principais pontos da ...
Fiat ultrapassa 5 milhões de carros flex feitos no Brasil

A Fiat ultrapassou nesta semana a marca de 5 milhões de automóveis e comerciais leves produzidos com a tecnologia Flex Fuel. Atualmente, 99% dos veículos produzidos para ...
Bener Presses lança máquina de corte laser por fibra ótica

Na Feimafe 2013, o Grupo Bener apresentará a máquina de corte laser por fibra óptica modelo BLS-F 3015/2000, da Baykal, fabricante turca representada exclusivamente desde 2011 no Brasil ...

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google