Gestão de conservação de energiaGestão da conservação de energia é o gerenciamento de processos e políticas destinadas a reduzir o uso de energia. Há duas formas principais que são normalmente utilizadas para gerir a conservação de energia. Em primeiro lugar, o consumo pode ser reduzido de forma que menos serviços e utilitários, que necessitam de energia, sejam utilizados. Em segundo lugar, a eficiência energética pode ser aumentada para que os mesmos serviços sejam entregues, mas com menos uso de energia.

Como o aumento populacional exige um maior uso de energia per capita, a gestão da conservação energética proporciona uma forma importante de manter baixo seu custo. O gerenciamento de conservação pode ajudar a reduzir a demanda para a construção de novas usinas de energia, diminuir o custo de importação de energia adicional através de fronteiras e facilitar o trabalho com a escassez de energia aguda.

A preservação energética é muitas vezes vista como uma forma mais ecológica de lidar com algumas destas questões, que simplesmente elevar a produção de energia a partir de meios de produção existentes.

Algumas das principais áreas em que a gestão da conservação de energia é importante incluem o transporte, indústria e setores de consumo ou residencial. O setor de transportes é responsável por uma elevada percentagem de consumo de energia nos países ocidentais.

O processo de gestão inclui a identificação de fontes alternativas.

O processo de gestão inclui a identificação de fontes alternativas.

Neste segmento, a gestão de energia pode abranger medidas como impor impostos mais elevados sobre os veículos que utilizam grandes quantidades de combustível por quilômetro, investindo em pesquisa para criar motores com maior eficiência energética, ou incentivando os consumidores a aumentar o consumo de produtos locais.

Para o setor residencial, a conservação de energia é muitas vezes motivada pela redução do custo das contas de energia para proprietários individuais. Entre as Abordagens comuns para reduzir o consumo de energia residencial destacam-se: a instalação de dispositivos elétricos eficientes, melhorando o isolamento dos telhados, ou a instalação de vidros duplos .

Preocupações ambientais, particularmente no que diz respeito à queima de fósseis combustíveis e do ar resultante da poluição, dão impulso à gestão de conservação de energia. Uma política energética holística engloba a conservação de energia, bem como as estratégias importantes de energia limpa e renovável.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Como tal, uma política sustentável refere-se também à redução no uso de energia, bem como à identificação de fontes alternativas. Uma questão importante diz respeito à teoria de que as melhorias que aumentam a eficiência energética tendem a aumentar, em vez de reduzir o uso de energia em geral.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Energia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Energia