Indústria alemã tem queda em agostoAs encomendas industriais na Alemanha, um indicador chave da tendência futura da economia da Europa, caíram em agosto, segundo dados oficiais publicados nesta sexta-feira, 05, enquanto a demanda dentro do país foi reduzida bruscamente.

O Ministério da Economia disse que as encomendas à indústria caíram 1,3% em agosto ante julho, somando-se evidências de que o motor econômico da Europa está perdendo vapor, como o peso da crise e das dívidas na Zona do Euro.

A queda foi mais acentuada do que os analistas consultados pela Dow Jones Newswires haviam previsto (de 0,5%). A queda deveu-se a uma redução da procura interna, que representou 3%. Encomendas estrangeiras mantiveram-se estáveis no mês.

"As demandas para indústria alemã têm se enfraquecido, como o esperado em um fraco ambiente econômico global", disse o ministério."Ao mesmo tempo, não estamos recebendo a imagem de uma forte queda na atividade econômica", acrescentou o comunicado.
----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Durante o período de dois meses, de julho a agosto, as encomendas caíram 1,2% em relação a maio e junho, mais uma vez devido a uma queda nas demandas domésticas.

Autor(es):
Editora

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia