Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

O que é modelo de distribuição

Conceito envolve 3 partes: fabricante, distribuidor ou armazenagem e varejista.

Mais notícias relacionadas a armazenagem & logística:

Pallets termicamente tratadas
Tratamento térmico de pallets serve para impedir infestações de bactérias, fungos e insetos nas mercadorias.


Santos Brasil atende clientes por chat
Usuários podem tirar dúvidas e acessar informações sobre a companhia online em tempo real.


Rotatividade de estoque
Estratégia logística pretende fazer o giro das mercadorias, perecíveis ou não, nos pontos de venda.


O que é modelo de distribuiçãoUm modelo de distribuição é um método de envio que as empresas usam para levar seus produtos do ponto de origem até ao ponto de venda final. O tipo clássico inclui pelo menos três partes diferentes: o fabricante de bens, o distribuidor ou armazém e a loja de varejo, que representa o ponto de venda final.

Com o tempo, o modelo de distribuição pode sofrer alterações que transferem a responsabilidade dessas pessoas. Esses modelos - também chamados de cadeias de fornecimento, em alguns casos -, podem adicionar custos ou problemas adicionais para atividades comerciais normais. Mudar o estilo de distribuição pode ajudar a empresa a alcançar melhores resultados, tanto em rentabilidade como na reputação da marca.

Muitos problemas podem existir dentro de um modelo de distribuição, independentemente do tamanho, estilo ou partes envolvidas no sistema. O principal problema é o simples fato de que cada uma das partes age para seu próprio benefício.

----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Por exemplo, o fabricante concentra-se na produção de bens com o menor custo possível. Frete ou custos de distribuição também devem ser mantidos a um mínimo para que a empresa alcance máxima rentabilidade. O atacadista ou distribuidor tenta fazer o fabricante pagar preços elevados para o transporte de mercadorias e os varejistas desejam lucros para suas próprias atividades.

O uso de um modelo de distribuição curto normalmente custa menos e resulta em menor tempo de inatividade, quando um varejista tem uma baixa de estoque. Por exemplo, um fabricante que produz um item de grande procura precisa ter um modelo de distribuição que possa fornecer o ponto de venda com frequência, a fim de maximizar as vendas.

Pagar um prêmio ou bônus para este tipo de serviço de distribuição pode não ser um problema, pois os lucros das vendas de produtos altamente demandados compensam os custos de distribuição.

Em alguns casos, uma grande empresa considera mais lucrativo ter seu próprio serviço de distribuição através do desenvolvimento de uma distribuidora que envia mercadorias para os varejistas. Este modelo pode resultar em uma sociedade com interação frequente com os clientes, devido à cadeia curta de fornecimento.

Centro de distribuição

Os varejistas também são importantes no modelo de distribuição para um fabricante. Envio de mercadorias para as lojas erradas pode resultar em clientes que não querem fazer compras nestas lojas específicas nem comprar aqueles produtos. Por exemplo, quando pequenos comerciantes não possuem muitos locais de venda em uma determinada área regional, isso significa que o cliente precisa ir mais longe para comprar oos bens.

Além disso, a venda de bens no mercado internacional requer o uso de um modelo de distribuição adequado. Criar relacionamentos com os parceiros certos pode ajudar a empresa a estabelecer laços fortes no mercado local.

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a armazenagem & logística:

Segundo graneleiro construído no Brasil será lançado ao mar

O navio Log-In Tucunaré, segundo graneleiro construído no país, fará sua viagem inaugural amanhã, no Estaleiro Eisa, na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro. A embarcação ...
Saiba mais sobre o problema do corte de estoque

O problema de corte de estoque é uma equação de otimização que tem aplicações importantes na indústria e também gera interesse para programadores e especialistas em ...
Aplicação do projeto em logística

Projeto para logística (em inglês, design for logistics ou DFL) é uma abordagem que visa organizar o desenho ou estrutura de tarefas para que o movimento das tarefas associadas ...
Aplicação da Lei Marítima

A chamada Lei Marítima é um conjunto de leis sobre transporte interestadual ou internacional que trata de navegação por embarcações marítimas. Sua aplicação abrange tanto o ...
O que é near sourcing

Near sourcing é um termo usado para descrever quando uma empresa estrategicamente coloca algumas ou todas as suas operações perto de onde seus produtos finais são vendidos. Esse conceito ...
Análise da cadeia de suprimentos

A análise da cadeia de suprimentos é o processo de avaliação de cada etapa de uma empresa que está entregando um produto para os clientes. Esse método requer ...
O que é confiabilidade de entrega

Confiabilidade de entrega é um termo usado para descrever o número de entregas que são consideradas livres de qualquer tipo de erro por parte do fornecedor ou transportador, em ...

Armazenagem & Logística
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Armazenagem & Logística


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google