A Gerdau Açonorte colocou em operação um equipamento para reciclagem de sucata com capacidade para processar 25 mil toneladas mensais. A siderúrgica investiu R$ 34,5 milhões no equipamento, adquirido da subsidiária da finlandesa Metso Minerals, de Sorocaba (SP), que ampliou em 70% a capacidade de reciclagem da unidade.

"O equipamento traz mais produtividade e matéria-prima de melhor qualidade, o que permite o aumento da produção", disse o vice presidente executivo da divisão Aços Longos Brasil, Ricardo Gehrke. A nova máquina conclui o plano de investimento de R$ 115 milhões (2001 a 2005) na Açonorte e que contemplou o aumento da produção total de 240 mil para 280 mil toneladas anuais, passando de 210 mil para 250 mil a produção de laminados.

Segundo Gehrke, entre 50% e 60% do aço fabricado pela Gerdau é oriundo da sucata e o grupo recicla 11 milhões de toneladas anuais do insumo. A Açonorte exporta 15% da produção, para Europa, África, América Central e do Sul.

Autor(es): Gazeta Mercantil

facebook      twitter      google+

Suprimentos Industriais
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Suprimentos Industriais