A produção mundial de aço bruto totalizou 99,669 milhões de toneladas métricas em março, superando em 7% o volume do mesmo mês do ano passado. Os dados foram divulgados ontem pelo Instituto Internacional de Ferro e Aço (IISI, na sigla em inglês), que acompanha a produção siderúrgica em 61 países, entre eles o Brasil. No acumulado do ano, a produção mundial de aço bruto cresceu 5,4% em comparação ao mesmo período do ano anterior, totalizando 284,159 milhões de toneladas. A China continua sendo o grande pilar do crescimento.

A produção de aço bruto caiu 3,9% na América do Sul em março, totalizando 3,669 milhões de toneladas. No acumulado dos primeiros três meses do ano, a produção local somou 10,559 milhões de toneladas, com queda de 5,1% sobre o mesmo período do ano passado. A produção brasileira de aço bruto somou 2,479 milhões de toneladas no terceiro mês do ano, o que representa uma queda de 10,2% sobre o mesmo mês de 2005. No acumulado do ano, a produção brasileira atingiu 7,186 milhões de toneladas, com queda de 9,5%. O país é o maior produtor de aço da região.

Autor(es): Diário do Comércio

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia