A Robert Bosch América Latina investirá cerca de R$ 25 milhões para instalar no Brasil uma linha de produção do Sistema Antibloqueio de Frenagem (ABS) de oitava geração. O objetivo é que, em meados de 2007, a linha entre em operação atendendo a demanda das montadoras no Mercosul, com a substituição da importação do produto.

Segundo a empresa, o investimento foi decidido tendo em vista potencial de aumento da taxa de aplicação do ABS nos veículos produzidos no Mercosul. Entre 2002 e 2005, estima-se que a taxa de instalação de ABS em veículos 0 km tenha subido de 7% para 12% da produção anual.

A nova linha será instalada em Campinas (SP), onde opera atualmente a Divisão Chassis Systems Brakes. Para tanto, cinqüenta pessoas receberão treinamento especial e serão re-alocadas para trabalhar na produção do ABS. "O objetivo da empresa é viabilizar a instalação do ABS, fabricando-o no Brasil e trazendo mais segurança aos veículos", afirma Edgar Garbade, presidente da Robert Bosch América Latina.

Atualmente, a Bosch é líder no fornecimento de módulos ABS para as montadoras instaladas no Mercosul. A empresa fornece o sistema para as principais plataformas da DaimlerChrysler, Fiat, General Motors, Peugeot e Citroën, Renault, Toyota e Volkswagen.

Lançado em 1978 pela Bosch, o ABS está hoje em sua oitava geração. Pesando apenas 1,6 kg, o ABS 8 chega a ser 4,2 kg mais leve que o modelo ABS 2 (primeiro sistema a ser aplicado em automóveis brasileiros, em 1989).

Autor(es): Usinagem Brasil

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia