Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Nariz eletrônico é criado com nanobiosensores

Mais notícias relacionadas a tecnologia & inovação:

Tipos de ferramentas de diagnóstico em computadores
Para identificar erros e reparar computadores, um técnico precisa de ferramentas de hardware e software.


Monitor industrial de LCD
Um monitor de LCD industrial difere da tecnologia dos desktops caseiros apenas em sua robustez.


Vettor inova com loja virtual no setor industrial
São aproximadamente 60 produtos para torres de resfriameto de água, em página totalmente dedicada à ...


Utilizando minúsculos sensores bioeletrônicos, um grupo de cientistas está criando um sistema olfativo semelhante - ou até melhor - do que o nariz humano. O nariz eletrônico é baseado nos receptores olfativos naturais, e poderá ser utilizado em uma ampla gama de setores, da medicina à agricultura, passando pela indústria e pela proteção ao meio-ambiente.

"Os usos potenciais da tecnologia do cheiro são infinitas," diz Josep Samitier, coordenador do projeto SPOT-NOSED, que reúne cientistas da Espanha, Itália e França.

Os sensores são na verdade nanobiosensores. Eles são construídos colocando-se uma camada das proteínas que constituem os receptores olfativos do nariz de um animal sobre um microeletrodo. Medindo a reação que ocorre quando as proteínas entram em contato com diferentes odores, o sistema é capaz de detectar cheiros em concentrações que seriam imperceptíveis para os seres humanos.

"Nossos testes mostraram que os nanobiosensores reagem a algumas poucas moléculas de odores com um elevado grau de precisão. Alguns dos resultados dos testes ultrapassaram nossas expectativas," disse Samitier.

Os cientistas estão utilizando proteínas copiadas geneticamente do nariz de ratos de laboratório. Para um nariz eletrônico funcionar adequadamente, são necessários centenas de tipos de proteínas. O nariz humano, por exemplo, utiliza 1.000 proteínas diferentes para permitir que o cérebro reconheça cerca de 10.000 odores diferentes.

Os nanobiosensores já demonstraram funcionar melhor do que se esperava. Os cientistas agora vão desenvolver o sistema complementar - instrumentos e programas de computador necessários para que o nariz eletrônico aponte corretamente os cheiros.

Inovação Tecnológica

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a tecnologia & inovação:

Fundamentos do sistema hidráulico

No nível mais básico, qualquer sistema hidráulico pode ser explicado como uma força que é aplicada a um ponto, ou um pistão, e é então transmitida ...
Red&White cria solução para projetos pré-configurados de SAP

Solução recentemente lançada pela Red&White, que acelera e reduz os custos de implementação de sistemas de gestão SAP, o novo SAP R&W Gold ganha ...
Toyota testa carros que se comunicam entre si e com o trânsito

A Toyota está testando no Japão um sistema de segurança que permite a comunicação entre veículos e com as ruas e estradas. O chamado Intelligent Transport ...
Como funciona um circuito de ultrassom

Sons são ouvidos em toda a natureza, exceto no vácuo do espaço. Humanos e animais muitas vezes dependem do som para obter informações de navegação ...
Fluidodinâmica computacional

Fluidodinâmica computacional é o estudo do comportamento de fluidos - líquidos e gasosos - com o uso de poderosos computadores rodando softwares de métodos numéricos. O conhecimento da intera ...
Tudo sobre o AutoCAD

O AutoCAD, criado pela Autodesk, é o programa de desenho técnico mais utilizado em todo o mundo. Em sua versão 2012, tem mais de 1,25 milhões de ...
Tecnologias sem fio preparada para up grade industrial

A população mundial de usuários de smartphones subiu mais de um bilhão durante esta semana, e a adoção de tais dispositivos sem fio no ambiente industrial ...

Tecnologia & Inovação
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Tecnologia & Inovação


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google