O mercado brasileiro de automação comercial movimentou R$ 1,4 bilhão no ano passado e a previsão para este ano é que cresça 10% e alcance R$ 1,54 bilhão, segundo dados da Associação Brasileira de Automação Comercial (Afrac).

O presidente da associação, Zenon Leite Neto, diz que o segmento de automação comercial acompanha a evolução do varejo brasileiro. Segundo ele, um dos impulsionadores da da demanda do setor é a maior profissionalização da indústria.

"As empresas estão cada vez mais se dando conta que é necessário ter uma boa gestão. E uma boa gestão só ocorre se as empresas automatizarem. Por isso, a projeção do crescimento do varejo é maior que o crescimento do país", observa Leite Neto. Ele explica, ainda, que o crescimento econômico do país também traz reflexos positivos nos índices de consumo da população, aumentando o sucesso do comércio de um modo geral.

Outros fatores que devem influenciar positivamente o desempenho do mercado de automação, segundo o executivo, são as mudanças fiscais e a utilização de novas tecnologias para um melhor controle, incluindo itens como nota fiscal eletrônica.

Autor(es): TI Inside

facebook      twitter      google+

Automação Industrial
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Automação Industrial