As vendas mundiais de chips totalizaram US$ 22 bilhões em fevereiro, o que representa um crescimento de 56,2% em relação ao mesmo mês de 2009, quando a receita ficou em US$ 14,1 bilhões, segundo a Associação da Indústria de Semicondutores (SIA, na sigla em inglês).

Quando comparado com o mês de janeiro, no entanto, o resultado representa um ligeiro recuo, de 1,3%, quando a indústria do setor contabilizou US$ 22,3 bilhões.

O presidente da SIA, George Scalise, observou que as vendas de fevereiro refletem o prosseguimento da recuperação do setor após a forte retração na demanda registrada durante a crise financeira mundial. Ele diz que as vendas foram impulsionadas pelo aumento das vendas de produtos eletrônicos, principalmente de PCs e celulares, em países emergentes.

Autor(es): TI Inside

facebook      twitter      google+

Tecnologia & Inovação
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Tecnologia & Inovação