O índice que mede a confiança da indústria brasileira recuou em 1% em abril, ante o mês imediatamente anterior, com ajuste sazonal, para 115,3 pontos, informou nesta sexta-feira a da Fundação Getulio Vargas (FGV). Esta é a primeira queda após 14 meses de altas consecutivas.

"Apesar da diminuição em relação ao mês anterior, o índice mantém patamar elevado em termos históricos, sendo comparável ao de junho de 2008, período anterior à crise internacional", afirmou a FGV em nota.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (Nuci) atingiu o maior patamar desde setembro de 2008, a 85,1%. O indicador já é superior à média registrada desde 2003 (83%), mais ainda é menor qu e a média dos 12 meses anteriores à crise financeira de setembro de 2008 (85,9%).

Das 1.194 empresas participantes, 38,4% projetaram crescimento da produção entre abril e junho, contra 45,1% em março.

Com informações da Reuters

Autor(es): Redação Portal Terra

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia