Projeções de longo prazo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) apontam que a produção de petróleo da Petrobras deve alcançar em torno de 3,9 milhões de barris por dia em 2020, sendo 46% do total desta produção originada do pré-sal. O Ipea estima que, para o desenvolvimento da produção nacional de petróleo, serão necessários cerca de US$ 82,5 bilhões para o pré-sal no período de 2014 a 2020. Os dados constam do estudo "Perspectivas de desenvolvimento do setor de petróleo e gás no Brasil", divulgado hoje pelo instituto no Rio.

De acordo com dados do levantamento, caso todos os entraves e desafios financeiros no setor de petróleo e gás fossem superados, bem como viabilizados os investimentos necessários para o setor, o País poderia chegar em 2020 com um excedente de dois milhões de barris ao dia, considerando uma demanda estimada de três milhões de barris ao dia.

Neste cenário, o País poderia escolher entre exportar óleo bruto ou exportar derivados, desde que, até 2020, tenha ocorrido uma expansão na capacidade de refino. O levantamento do Ipea mostra que o País, até 2007, estava usando em torno de 91,9% de sua capacidade de refino.

Autor(es): Agência Estado

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás