SÃO PAULO - Os custos do vazamento de petróleo no Golfo do México já somam US$ 1,25 bilhão, informou a BP. A conta exclui US$ 360 milhões em fundos para um projeto de construção de ilhas de contenção na Louisiana.

A empresa planeja colocar um segundo aparato para conter o derramamento após ter instalado, na semana passada, uma tampa contra a dispersão de óleo que vaza de um poço no Golfo do México. O segundo sistema deve ser mais duradouro.

A BP insiste que pode concertar o pior desastre ambiental nos Estados Unidos. No Twitter, o executivo-chefe da companhia, Tony Hayward, disse que a prioridade é o Golfo e que a BP vai gastar o que for necessário para reverter o quadro.

Estimativas dão conta que está vazando de 12 mil até ao redor de 20 mil barris de petróleo por dia. Algumas projeções têm teto mais alto, de 25 mil barris diários. Ontem, a BP avisou que recolheu 10 mil barris.

(Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Autor(es): Valor

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás