Novamente por falta de quórum, a votação no Senado do projeto que cria a nova estatal do petróleo, denominada no projeto como Petro-Sal, mas que deverá virar Pré-Sal SA, foi adiada, desta vez para os dias 6 e 7 de julho, informou o líder do governo, Romero Jucá (PMDB-RR).

Muitos senadores do Nordeste viajaram para seus Estados, onde participarão das festas de São João. O projeto cria uma estatal para gerenciar os contratos no regime de partilha da produção de petróleo.

Ficou acertado também com os líderes partidários que a proposta que reestrutura o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) será votada no mesmo período.

Autor(es): Redação Portal Terra

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás