A reconstrução do sistema elétrico dos Estados atingidos pelas enchentes no último fim de semana vai demandar R$ 60 milhões, que já estão garantidos, em caráter emergencial, pelo Ministério de Minas e Energia e pela Eletrobras. De acordo com a estatal, o sistema elétrico foi destruído ou seriamente danificado em diversas áreas e cerca de 71 mil consumidores estão sem energia elétrica em Alagoas.

Do total de unidades consumidoras atingidas no Estado, 40% já foram restabelecidas. Grupos geradores são instalados para atender principalmente hospitais e locais que abrigam famílias que perderam suas casas. Segundo a Eletrobras, as redes de distribuição são progressivamente recuperadas e o restabelecimento da energia será feito com a segurança necessária para evitar acidentes.

Os municípios de União dos Palmares e Branquinha estão em situação mais crítica, mas a previsão é de que o restabelecimento da Subestação de União dos Palmares e da Linha de Transmissão em 69 quilovolts (kV) que atende à região seja feito na sexta-feira. Em Quebrangulo (AL), o atendimento a hospitais, igrejas e locais de abrigo já foi normalizado.

Na recuperação do sistema elétrico, as empresas de energia atuam de diversas formas. A Eletrobras Distribuição Alagoas tem equipes próprias e empresas terceirizadas e a Chesf colabora com as empresas distribuidoras de Alagoas e de Pernambuco, com pessoal, equipamentos rodoviários pesados, equipamentos e materiais de manutenção de linhas e rede, meios de comunicação via satélite e helicópteros.

Autor(es): Redação Portal Terra

facebook      twitter      google+

Energia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Energia