Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

MMX vê 'artificialidade' na queda do preço do minério na China

Mais notícias relacionadas a empresas:

Golden apresenta lâmpadas com elevado fator de potência
Linha possibilita usar luz fluorescente em locais grandes com pé direito alto, oferecendo ótima iluminação.


Banco do Brasil facilita compra de equipamentos
BB Crédito Empresa serve para companhias que faturam até R$ 90 milhões anualmente


Honda Brasil investe em energia eólica
Novo parque de energia irá suprir toda a demanda da fábrica de Sumaré (SP) e ...


RIO DE JANEIRO (Reuters) - A queda no preço do minério de ferro no mercado à vista na China pode estar associada a uma "artificialidade" do mercado, indicou o presidente da MMX, Roger Downey, nesta terça-feira, argumentando que a demanda continua forte e não haveria motivos para uma baixa.

Essa situação, acrescentou o executivo, ocorre em meio ao novo sistema para a precificação adotado pelas grandes mineradoras, que a partir de abril passaram a estabelecer os preços trimestralmente --e não mais anualmente--, com base na cotação do mercado à vista.

A cotação do minério no "spot" chinês, que chegou a 190 dólares por tonelada em maio deste ano, hoje está em torno de 116 dólares.

"O estranho é que a oferta e a demanda estão fortes, me parece uma artificialidade", disse Downey a jornalistas, referindo-se ao novo sistema trimestral de preços que, segundo ele, não foi assimilado totalmente pelo mercado.

"O mercado está com a demanda firme, temos solicitação de contratos adicionais todo dia e até quem queira comprar ações da nossa empresa", completou.

Mesmo assim, Downey prevê que o preço do minério de ferro vai se recuperar até do final do ano e que a perspectiva para o setor é positiva no longo prazo.

Em palestra na Latin American Iron Steel Trends, o executivo disse que nos próximos três anos a oferta e demanda por minério de ferro devem estar mais próximas de se encontrar, após vários projetos terem sido paralisados por conta da crise.

Apesar disso, ele avalia que o consumo continuará acima da capacidade de fornecimento nos próximos três anos.

"A preocupação é com a oferta e demanda a partir de 2013, o que é bom para nós, isso vai resultar em preços mais altos no longo prazo", afirmou.

Ele explicou que mesmo que a economia chinesa cresça a uma velocidade inferior à atual, para em torno de 8 por cento, ainda haverá necessidade de um grande volume de aço para garantir a urbanização do pais.

Para acompanhar esse crescimento, a MMX investe para expandir sua produção de 10 milhões de toneladas para 45 a 46 milhões de toneladas de minério até 2015.

UOL News

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a empresas:

O que é espionagem industrial

A espionagem industrial é uma tentativa de obter acesso a informações sobre planos da empresa, produtos, clientes ou segredos comerciais. Na maioria dos casos, tal conduta, especialmente quando se trata ...
Minério de ferro e ouro impulsionarão lucro da Vale

O avanço no preço do minério de ferro, que cresceu aproximadamente 23% até março, na comparação com o quarto trimestre de 2012, e o acordo ...
Kia Motors faz recall no Brasil

No dia 1º de maio, tem início o recall dos carros modelos Soul, Carens, Carnival e Sorrento (anos 2007 e 2008) e Sorento (2009 a 2011), da montadora Kia ...
Agrale apresenta caminhões na Agrishow 2013

A Agrale apresenta na Agrishow 2013 dois modelos da sua linha de caminhões, o Agrale 8700 e o 14000. A feira acontece entre os dias 29 de abril e ...
Klüber Lubrication investe na gestão do conhecimento

A subsidiária da América Latina da Klüber Lubrication, especializada em soluções com lubrificantes especiais, definiu a gestão do conhecimento como um dos principais pontos da ...
Fiat ultrapassa 5 milhões de carros flex feitos no Brasil

A Fiat ultrapassou nesta semana a marca de 5 milhões de automóveis e comerciais leves produzidos com a tecnologia Flex Fuel. Atualmente, 99% dos veículos produzidos para ...
Bener Presses lança máquina de corte laser por fibra ótica

Na Feimafe 2013, o Grupo Bener apresentará a máquina de corte laser por fibra óptica modelo BLS-F 3015/2000, da Baykal, fabricante turca representada exclusivamente desde 2011 no Brasil ...

Empresas
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Empresas


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google