São Paulo, 17 de novembro de 2010 - A Feira e Seminário Negócios nos Trilhos 2010 superou as expectativas de todos os expositores. Foram três dias de lançamentos, contatos, debates e apresentações de projetos. A NT 2010, segundo Cristina Kerr, gerente de Eventos da Revista Ferroviária, foi a maior de todas as edições. O evento contou com 175 expositores de 15 países (empresas da África do Sul, Alemanha, Bélgica, Brasil, Canadá, China, Estados Unidos, Espanha, França, Itália, Japão, Polônia, Reino Unido, Suécia e Suíça), que ocuparam completamente os 14 mil metros de área disponível para a exposição. “Recebemos quase 8 mil visitantes nesta mostra e saímos com mais 50% da área da NT 2011 já reservada.”, diz Kerr, lembrando que em 2009, a NT contou com 156 expositores de 13 países e recebeu 7 mil visitantes.

O modal metroferroviário está mundialmente aquecido. “O sucesso da Feira e Seminário Negócios nos Trilhos se deve à necessidade crescente de negócios do setor. Podemos observar, no caso brasileiro, a Ferrovia Oeste-Leste que, mesmo antes de começar a ser construída, já tem encomenda de carga a ser transportada. E, também, o crescente número de empresas que não trabalhavam no ramo, mas que agora voltaram parte de seus negócios ao setor ferroviário, como é o caso da Caterpillar e MTU do Brasil”, afirma Regina Perez, editora da Revista Ferroviária.

O TAV brasileiro também aumentou o interesse não só das indústrias, operadoras e imprensa, mas também do público em geral. Na Feira, foi realizada uma mesa redonda dedicada exclusivamente ao tema. Também aconteceu uma coletiva de imprensa para que os jornalistas pudessem tirar algumas dúvidas sobre o sistema com especialistas da UIC (União Internacional de Ferrovias), com sede em Paris, sobre o sistema implantado em outros países.

Segundo Regina, faltam pessoas especializadas para trabalhar no segmento. “Durante um dos painéis dos seminários, Marcelo Spinelli, presidente do conselho da ANTF (Associação Nacional de Transportadores Ferroviários), abordou justamente esse problema dizendo que um dos grandes desafios da área é o investimento que precisa ser na formação de mão-de-obra especializada, pois está em falta hoje”, apontou Regina.

Os seminários também trouxeram uma inovação em relação aos anos anteriores: o talk show com o jornalista Ricardo Boechat, que debateu assuntos ferroviários presentes na mídia nacional de maneira descontraída. O encontro trouxe explicações sobre medida provisória 511, a comparação entre o projeto do TAV brasileiro e o chinês, as possibilidades reais de volta de transporte de passageiros, entre outros temas.

A 14ª edição da Feira e Seminário Negócio nos Trilhos já tem período marcado: 08 a 10 de novembro de 2011, em São Paulo. O evento permanece no Pavilhão Vermelho do Expo Center Norte.
__________________________________________________
Informações e cadastramento à Imprensa
Digital Assessoria Comunicação Integrada
Katia Siqueira – [email protected]
Juliana Tancler – [email protected]
Leila Anderson – [email protected]
(11) 3667-0640/ 5574-1103 / 5579-2918 / 9740-61

Autor(es): Assessoria de Imprensa

facebook      twitter      google+

Feiras & Eventos
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Feiras & Eventos