O secretário executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, disse ontem (7) que o cartão de proteção da Subestação São Luiz Gonzaga, cuja falha provocou o apagão da última sexta-feira (4), estava com a manutenção em dia. Segundo ele, a última manutenção no equipamento foi feita em outubro do ano passado e a verificação preventiva do cartão deve ser feita a cada quatro anos.

“Quando ocorre algo que está com a manutenção em dia, tem que fazer uma investigação para analisar por que falhou”, disse Zimmermann. De acordo com ele, técnicos do Ministério de Minas e Energia, da Chesf e do Operador Nacional do Sistema Elétrico estão avaliando as causas da falha no cartão e por que isso causou os desligamentos em vários estados do Nordeste.

Zimmermann disse que o governo já tem como certo que a causa do apagão foi a falha no cartão, mas o que a determinou ainda não foi especificado. Segundo ele, o cartão que falhou provocou série de desligamento em cascata. Isso será investigado agora.

Autor(es): Agência Brasil

facebook      twitter      google+

Energia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Energia