O lucro líquido consolidado da Petrobras em 2010 atingiu o valor recorde de R$ 35 bilhões 189 milhões, como resultado de um aumento do lucro bruto (R$ 77 bilhões 222 milhões) que foi impulsionado por um maior volume de vendas de derivados (+11%) assim como pelo efeito das cotações de petróleo mais elevadas sobre as exportações e produção internacional. Adicionalmente, a valorização cambial contribuiu para o aumento do lucro, gerando impacto positivo no resultado financeiro líquido (variação positiva de R$ 2 bilhões 725 milhões) eno resultado atribuível a acionistas não controladores (variação positiva de R$ 2 bilhões 581 milhões). Também contribuiu para o resultado a elevação da participação do óleo nacional na carga processada (de 79% para 82% em 2010) e a maior utilização da capacidade nominal das refinarias, cuja média em 2010 foi de 93%.

Autor(es): Assessoria de Imprensa

facebook      twitter      google+

Petróleo & Gás
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Petróleo & Gás