A realização de obras novas e de reformas em casas, prédios residenciais e comerciais é uma cena comum diante do bom momento vivido pela indústria da construção civil. No entanto, a execução desses serviços pode trazer muita dor de cabeça para os moradores, proprietários ou locatários quando é feita sem os devidos cuidados de segurança para os trabalhadores que a executam.
 
"Quando um operário se fere durante a execução de um trabalho, a pessoa ou empresa que contratou o serviço é responsabilizada e responde judicialmente" alerta o diretor-presidente do Grupo Baram, Josely Rosa. O empresário vai abordar o tema na palestra "Uso seguro de equipamentos nas obras", que será ministrada durante o 2° Work Shop Internacional de Trabalhos em Altura. O evento acontece dia 14 de março, no auditório do Sinduscon, em São Paulo.

O executivo se destaca na indústria da construção por apresentar soluções sustentáveis e é líder nacional na fabricação de andaimes manuais e elétricos. "Um dos maiores problemas enfrentados hoje pelo setor é o afastamento de trabalhadores devido a problemas de saúde ocasionados justamente pela falta de uso de equipamentos de proteção durante a execução do trabalho", analisa Rosa.

A segurança é justamente uma dos principais requisitos mantidos pelo Grupo Baram no planejamento dos produtos. Para manter a qualidade dos itens, a empresa adota rigorosas normas de segurança, com certificação internacional, atingindo grau de excelência em toda a sua linha de produção. Além de andaimes, o catálogo da Baram inclui ainda guarda-corpo para obras, dutos para entulhos e mini gruas, entre outros.

SERVIÇO
O que: Palestra do diretor-presidente do Grupo Baram, Josely Rosa
Quando: 14 de março
Horário: 14h10min
Onde: auditório do Sinduscon SP, Rua Dona Veridiana, 55, Santa Cecília, São Paulo

Autor(es): Assessoria de Imprensa

facebook      twitter      google+

Construção Civil
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Construção Civil