As missões empresariais brasileiras incrementaram em US$ 363 milhões a pauta de exportações do país em 2011. Durante o ano, as comitivas de negócios buscaram estreitar relações de comércio internacional na República Dominicana, na China, no México, na América do Sul (Peru, Colômbia, Chile e Venezuela) e no Sul da África (Angola, Moçambique e África do Sul). Mais de 230 empresas nacionais participaram das rodadas de negócios.

Segundo o coordenador de Imagem e Acesso aos Mercados da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Ricardo Santana, a inserção em novos mercados e a consolidação de intercâmbios existentes garantem ao Brasil a posição de “mercado estratégico” no cenário da economia mundial.

“As missões comerciais brasileiras têm sido extremamente positivas. A cada comitiva, o país consolida a dinâmica bilateral do comércio existente ou inicia intercâmbio comercial. Hoje o Brasil se posiciona como mercado atrativo. No passado tínhamos muitas necessidades e hoje temos solução".

O momento econômico de incertezas em relação à crise faz com que o governo federal se interesse cada vez mais pela prospecção de mercados não tradicionais para ampliar os destinos das exportações brasileiras. A pauta diversificada diminui a dependência das vendas para o exterior em mercados tidos como tradicionais. “Temos sempre que monitorar novos mercados. Não somos os únicos a estar interessados em novos negócios. Tudo está cada vez mais competitivo”, destacou o coordenador.

A Arábia Saudita e os Emirados Árabes são os próximos destinos brasileiros para intensificar a relação comercial. A missão empresarial ocorrerá em fevereiro de 2012. Santana destacou que a linha de consolidação de mercados deve ser seguida no ano que vem. “Vamos colher os frutos deste ano para fortalecer a marca do país e expandir ainda mais os negócios.”

As missões empresariais brasileiras são organizadas pelos ministérios do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior e das Relações Exteriores e pela Apex-Brasil.

Autor(es): Agência Brasil

facebook      twitter      google+

Comércio Internacional
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Comércio Internacional