Google
Matérias, artigos e empresas relacionados a Manutenção e Suprimentos para a indústria
Esqueci minha senha

Rossi desenvolve trabalho de gestão de resíduos sólidos

Produtos descartados nos canteiros de obras no Espírito Santo são separados e, em seguida, levados para diferentes cooperativas de reciclagem.

Mais notícias relacionadas a construção civil:

O que é superestrutura
Ao projetar uma superestrutura, é necessário considerar a pressão e força que ela irá exercer ...


Tipos de tijolos
Alguns dos tipos mais frequentes são tijolos comuns, tijolos de revestimento e tijolos de engenharia.


Tudo sobre a indústria do cimento
A indústria do cimento é por vezes considerada a base da indústria da construção civil ...


Rossi desenvolve trabalho de gestão de resíduos sólidosA Rossi, uma das maiores incorporadoras e construtoras do País, faz um trabalho diferenciado de gestão de resíduos sólidos no Espírito Santo. Nos canteiros de obras é comum ver baias de reciclagem para diversos produtos, como gesso, cimento e metais. Após a utilização, eles passam por uma triagem e, em seguida, são levados para diferentes cooperativas de reciclagem. Em média, é possível reaproveitar 315 toneladas de materiais por mês com a ação no estado.

A empresa segue a resolução n° 307/02 do Conama, o Conselho Nacional do Meio Ambiente, que prioriza a não geração de detritos e proíbe o descarte em locais inadequados. "Nossa preocupação é gerar o menor impacto possível e reaproveitar o máximo", afirma o diretor de engenharia da Rossi, Renato Diniz.

De acordo com o Conama, é possível dividir os materiais em quatro categorias. Os do tipo A são os considerados reutilizáveis e devem ser reciclados ou dispostos em aterros de construção civil, com o objetivo de regularizar a topografia ou áreas que foram alteradas por conta da mineração. É o caso dos concretos, cerâmicas e solos oriundos da terraplanagem.

Reciclagem de metal é um dos pilares do projeto da construtora

                                            Reciclagem de metal é um dos pilares do projeto da construtora

Os do tipo B, como madeira, papel, vidro, plástico e gesso, devem ser encaminhados para áreas de armazenamento temporário para futura reciclagem. Já os do tipo C são os que ainda não foram criadas tecnologias ou aplicações economicamente viáveis para serem reutilizados. Neste caso, eles seguem técnicas específicas de armazenagem, transporte e descarte. Por fim, os do tipo D (tintas, solventes e óleos) são armazenados, transportados e reutilizados de acordo com normas técnicas.

-----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

Renato Diniz explica que os operários são orientados a utilizar estes elementos de forma cuidadosa. "Temos um rigoroso treinamento como parte da nossa política de qualidade e resíduos no Espírito Santo", diz o diretor. Os materiais têm destino certo. O gesso, por exemplo, é enviado para uma fábrica de cimento, em Santa Luzia (Minas Gerais), para ser reaproveitado. O mesmo acontece com o saco de cimento que vira telhas de fibrocimento. Já produtos como vidro, plástico, papel e metal seguem para uma cooperativa na Serra.

"É o nosso compromisso com a sustentabilidade. Além do gerenciamento dos resíduos, nos preocupamos com a destinação correta deles, seja para empresas de aterros licenciadas ou para cooperativas de reciclagem, promovendo assim inclusão social e geração de renda para a comunidade", finaliza Diniz.

Fonte: Brandpress

Brand Press

facebook      twitter      google+

* campos obrigatórios

Outras notícias relacionadas a construção civil:

Vendas da indústria de construção aumentam 13,8% em março

No mês de março de 2013, a indústria de materiais de construção no Brasil registrou crescimento de 13,8% nas vendas, em relação ao m ...
Wurth lança impermeabilizante para superfícies acabadas

A Wurth do Brasil – multinacional alemã especializada em peças de fixação, produtos químicos, ferramentas e EPI’s – apresenta ao mercado de construção civil uma novidade em ...
Pavimento permeável

O pavimento permeável é o cimento que é projetado para permitir que a água flua através dele, em vez de repelir a água como acontece com o pavimento tradicional. H ...
Diferença entre cofragens e andaimes

Estruturas de cofragem e andaimes são amplamente utilizados na indústria da construção para funções muito específicas. Quando as equipes de construção necessitam de moldar ...
Cofragem de isolamento

A cofragem é um molde pré-fabricado usado para formar as paredes de betão no local. Ao contrário da maioria das cofragens, uma cofragem de isolamento é deixada no lugar ...
Tipo de cofragem de madeira

Para que se possa despejar o concreto numa obra de construção civil, é necessário, primeiramente, formar um molde para que o concreto mantenha sua forma enquanto seca. A cofragem ...
Cofragem de metal

O processo de concretagem envolve a criação de moldes em que o concreto molhado pode ser despejado. Estes moldes seguram o betão no local, enquanto o material toma ...

Construção Civil
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Construção Civil


Veja na Agenda de Feiras e Congressos
Veja na Agenda de Feiras e Congressos

Google