Indústria do Triângulo Mineiro cresce no 1º semestreO faturamento real da indústria da região do Triângulo Mineiro (formado pela união de 35 municípios, incluindo Uberlândia e Uberaba) apresentou acréscimo em virtude da elevação nas vendas para o mercado interno e externo.

Houve elevação nas horas trabalhadas na produção em decorrência do maior número de dias úteis e da maior realização de horas extras no mês, o que influenciou também o incremento da massa salarial. No entanto, o emprego registrou retração na comparação mensal, assim como o nível de utilização da capacidade instalada.

O faturamento real em maio cresceu 23,44%, ante abril. Na comparação com o mesmo mês de 2011, o indicador apresentou elevação de 16,10%. No confronto de janeiro a maio de 2012, com igual período do ano anterior, observou-se acréscimo de 12,30% no valor total das vendas.

As horas trabalhadas na produção registraram incremento de 3,37% no mês de maio, na comparação mensal. Em relação à igual mês do ano anterior a variável aumentou 16,07%. Nos primeiros cinco meses do ano as horas trabalhadas mostraram elevação de 12,86%, diante do mesmo período de 2011.

----------------------------------------------------
Indicador de empresas:
Soluções de publicidade do portal Manutenção & Suprimentos
----------------------------------------------------------------------------

O emprego retraiu 0,70% em maio, diante de abril. Na comparação com maio de 2011 o indicador reduziu 0,85%. No acumulado de janeiro a maio deste ano, comparativamente ao mesmo período de 2011, a variável subiu 3,56%.

A massa salarial apresentou elevação de 7,76% no mês de maio, na comparação mensal. No confronto com o mesmo mês do ano anterior houve crescimento de 28,80% no indicador. Nos cinco primeiros meses de 2012 as remunerações pagas mostraram elevação de 32,10%, diante de igual período do ano passado.

Em maio, o nível de utilização da capacidade instalada retraiu 1,04 p.p. na comparação com abril. No confronto com maio de 2011 (84,33%), observou-se decréscimo de 3,02 p.p. no indicador. No acumulado dos cinco primeiros meses deste ano a NUCI média foi de 80,34%, contra os 71,75% registrados no ano anterior.

Autor(es): Brand Press

facebook      twitter      google+

Economia
 Veja todas as noticias e artigos relacionados a Economia