Pallets de plástico são plataformas ou estrados utilizados para o armazenamento e transporte de produtos. Eles são construídos com materiais duráveis e de qualidade para aumentar a vida útil dos tipos industriais e oferecer baixa manutenção.

Os fabricantes deste equipamento oferecem no mercado uma grade diversidade de modelos de paletes empilháveis, do tipo rack,  encaixáveis e outros modelos, a fim de atender a uma ampla gama de aplicações de manipulação de materiais. Alguns modelos personalizados, como no caso do de contenção, são projetados para acomodar produtos especiais que exigem cuidado no manejo e no armazenamento. Os modelos de plástico podem ser reutilizados muitas vezes, por isso, são uma alternativa popular de baixo custo em relação aos novos.

As indústrias de bebidas, armazéns e praticamente todos os outros setores industriais o usam para o transporte e o armazenamento de produtos, e muitos fabricantes escolhem este tipo em vez dos de madeira ou de metal pelo seu peso mais leve e sua fácil reutilização. Normalmente são, por vezes fabricadas com materiais abrasivos, como areia para dar tração. Os fabricantes geralmente oferecem tamanhos de 20 "x 28" a 48 "x 72", mas podem facilmente atender às especificações personalizadas. Como todas os outros modelos são configurados como empilhadeiras de todos os quatro lados.

Eles apresentam uma vantagem a mais sobre os tipos de madeira. Apesar serem inicialmente mais caros do que dos de madeira, eles possuem uma vida útil muito mais longa, com uma média de 50 a 500 reutilizações, ao passo que os de madeira possuem apenas uma média 10 a 50 reusos. PEAD e outros polímeros são muito mais higiênicos e fáceis de limpar do que os materiais de madeira e podem ser esterilizados em lavadoras industriais em altas temperaturas. Eles também são mais leves do que os modelos de madeira em cerca de 30-40%, e podem ser projetados para suportar mais peso. Eles são mais seguros do que os de madeira, não contêm lascas, pregos ou cantos afiados. Os modelos de plástico são 100% recicláveis, são não-absorventes e impermeáveis aos odores, ácidos, gorduras ou solventes. Devido à resistência do plásico para a infecção bacteriana, os paletes de exportação não são susceptíveis a contaminação de produtos.

Muitas indústrias, incluindo a de alimentos, produtos farmacêuticos, borracha, eletrônica, de construção civil, automotiva e indústria agrícola passaram a utilizar estes dispositivos, deixando os de madeira de lado. As empresas que utilizam sistemas fechados de distribuição são beneficiadas com os modelos que podem ser reciclados. Esses tipos podem ser devolvidos e reutilizados até 500 vezes antes da remanufatura ser necessária.

Imagens relacionadas a pallets de plástico