Os altos-fornos são grandes torres ou cilindros que têm um revestimento interno normalmente de metal e internamente por material refratário que no caso é resistente ao calor. Estes fornos forçam ar quente e gases para cima através da carga de um forno. Como o ar é empurrado para dentro do forno e no fundo minérios e combustíveis são empurrados para o topo.

Empresas relacionadas a altos-fornos

ABC Torres Equip. e Man. Industrial

Rua Maria Silva, 16 Cj 22 - São Bernardo do Campo - SP - CEP: 09770-020
Telefone fixo: (11) 3412-4782
E-mail: vendas@abctorres.com.br
http://www.abctorres.com.br/

Fornos para tratamento térmico

Rua Antônio Salles Pupo, 131 - Valinhos - SP - CEP: 13272-360
Telefone fixo: (19) 3871-8730
E-mail: vitor.ciotto@emproin.com.br
http://www.emproin.com.br/

Contraco Máquinas e Equipamentos Ltda.

Rua Coronel Feddersen, 260 - Taió - SC - CEP: 89190-000
Telefone fixo: (47) 3562-0016
E-mail: contraco@contraco.com.br
http://www.contraco.com.br/

Fornos Jung Ltda.

Rua Bahia, 3465 - Blumenau - SC - CEP: 89031-002
Telefone fixo: (47) 3327-0000
E-mail: jung@jung.com.br
http://www.jung.com.br/

Quando os dois são combinados, ocorre uma reação química, resultando em metal fundido. São usados para a fundição de ferro, um processo utilizado na produção de aço e ferro. Eles também são usados pelos processos de fundição de chumbo e outros como processamento de cobre, e outros tipos de metais, que eventualmente são moldados em vigas, tarugos ou placas.

Um alto-forno é uma estrutura fechada, que produz calor para fins industriais. Elas são feitas com vários tipos de materiais resistente ao calor (refratários), a fim de suportar o uso a longo prazo. O recinto agrega os materiais, o gás ou ar a ser aquecido até que a temperatura desejada seja atingida. Podem vir com diversas opções de controle de temperatura ou a ser definida para uma única temperatura, dependendo do processo para que o forno será usado.

Os altos-fornos são utilizados para tratamentos térmicos de diversos materiais. O tratamento térmico agrega um valor significativo aos produtos de metal, especialmente aqueles feitos de aço e materiais não ferrosos, transmitindo as propriedades específicas para as partes. Essas propriedades são muitas vezes fundamentais para o bom funcionamento das peças.