Automação de manufatura se refere ao uso de máquinas e equipamentos de informática que operam dentro de um ambiente de fabricação. Praticamente todas as peças de hoje, podem ser modificadas ou personalizadas para se tornarem automáticas.

Empresas relacionadas a automação de manufatura

ADEQUAÇÃO NR-12

Rua Agenor Porto, 102 - Rio de Janeiro - RJ - CEP: 21511-490
Telefone fixo: (21) 2473-2790 - Celular: (21) 9321-8100
E-mail: [email protected]
http://www.mecseg.com.br/

Manômetro | Pressgage

Rua Pirajá, 549 - São Paulo - SP - CEP: 03190-170
Telefone fixo: (11) 3804-8634
E-mail: [email protected]
http://www.pressgage.com.br/

Robos industriais

Avenida Presidente Vargas, 1126 Centro - Esteio - RS - CEP: 93260-000
Telefone fixo: (51) 3033-3834 - Celular: (71) 9187-1854
E-mail: [email protected]
http://www.rapack.com.br/

Usinagem leve e fabricação de peças

Rua Primeiro-Tenente-Aviador Luiz Lopes Dorneles, 49 - Guarulhos - SP - CEP: 07030-140
Telefone fixo: (11) 2421-9100
E-mail: [email protected]
http://www.mmindustria.com.br/

Automação industrial e reforma de equipamento

Avenida Romeu Samarani Ferreira, 265 - Porto Alegre - RS - CEP: 91750-740
Celular: (51) 9319-1619 - Celular: (51) 9211-9797
E-mail: [email protected]
http://www.fchr.com.br/

Maxtronick - Manutenção Eletrônica Industrial

Praça Marcelino Machado, 96 102 - São Paulo - SP - CEP: 02134-030
Telefone fixo: (11) 2984-1949
E-mail: [email protected]
http://www.maxtronick.com.br/

A.M.E automação de Máquinas e Equipamentos Ltda.

Rua Alcides Barrera, 260 - Elias Fausto - SP - CEP: 13350-000
Telefone fixo: (19) 3821-1773 - Telefone fixo: (19) 3821-1710
E-mail: [email protected]
http://www.ameautomacao.com.br/

Algumas peças comuns de equipamentos automatizados incluem transportadores, sensores, linhas de montagem, robôs, sistemas “pick and place” e atuadores. Vários mecanismos de controle de movimento são usados para permitir que movimentos precisos e repetitivos sejam realizados de forma independente da influência humana. Operadores supervisionam os processos, mas não precisam fazer tanto trabalho como fariam normalmente porque a automação reduz a necessidade para eles.

Por serem automatizados, esses sistemas de produção não requerem assistência humana e são tipicamente muito rentáveis, para poupar trabalho e garantem uma produção mais consistente, capaz de fazer o mesmo movimento exato quantas vezes forem necessárias.

A fabricação de equipamentos de automação é uma categoria ampla que inclui máquinas de tornos, furadeiras, brocas, moinhos, plainas, retíficas e ferramentas de usinagem, que usam um instrumento afiado para cortar o material. Além de equipamentos de usinagem, esta categoria também inclui prensas, moldes, selos, rolos, secadores, máquinas de soldar e qualquer outra ferramenta usada para criar produtos a partir de esboços ou matérias-primas.

Essa estratégia é amplamente utilizada por fabricantes que trabalham em uma variedade de indústrias, seja ela de processamento agrícola, automotiva, de informática, elétrica, eletrônica, alimentos, processamento de bebidas, de semicondutores, aplicações médicas e de telecomunicações.

Pode pode ser aplicada a uma máquina ou a uma série de equipamentos. As máquinas são simples e exigem mais esforços do operador para carregar e descarregar o equipamento ou para transformar a peça em um torno, por exemplo. Os sistemas automatizados são compostos de muitas peças individuais de produtos automatizados e são capazes de executar praticamente o mesmo movimento por diversas vezes.

Em vez de precisar de um operador para colocar a peça na máquina e removê-la, um alimentador vibratório pode fazer com que o artigo caia sobre uma esteira rolante que vai transportá-lo através de uma série de rolos. Um braço robótico pode pegar a peça e colocá-la em outro maquinário, onde é carimbado, rodado e carimbado novamente. O produto pode ser transportado através de uma cabine de pintura, de secagem, embalados e reembalados.

O método permite que todo o processo ocorra sem a utilização de um trabalhador sequer para tocar no produto. Diferentes fábricas trabalham com diferentes substâncias e produtos, mas fazer uso de máquinas automatizadas é benéfico por muitos motivos. Certos equipamentos e configurações da própria máquina são usados com frequência por causa de sua eficiência e facilidade de uso.

Os sistemas do tipo carrossel usam transportadores de movimento contínuo, indexação “inline”, multiestação, rotativa, sincronizada e outros sistemas de transferência de equipamentos. Outros itens que são usados em um sistema automatizado incluem elevadores, equipamentos de marcação, sistemas de visão, sistemas de transferência de paletes, máquinas de montagem de alta velocidade, equipamentos de teste, manipulação em massa, aplicações em salas limpas e muito mais.