Bombas de vácuo são muitas vezes feitas de aço inoxidável por causa da força do material e por sua resistência à contaminação. A tubulação é produzida com materiais que resistem às rachaduras ou à degradação, mantendo o vácuo em estado perfeito. Podem ser encontradas em laboratórios, bem como em ambientes de desenvolvimento industrial e de tecnologia médica.

Empresas relacionadas a bombas de vácuo

Manômetro Digital | PRESSGAGE

Rua Pirajá, 549 - São Paulo - SP - CEP: 03190-170
Telefone fixo: (11) 3804-8634
E-mail: pressgage@pressgage.com.br
http://www.pressgage.com.br/

GD DERIVADOS DE GRAFITES COMPONENTES ELETROMECANIOS

Rua Guido Lacceti, 26 Galpão - São Paulo - SP - CEP: 04849-190
Telefone fixo: (11) 5933-3691
E-mail: vendas@gdderivadosdegrafites.com.br
http://www.gdderivadosdegrafites.com.br/

Informe Comercial

Rua Apóstolo Paulo, 97 Núcleo Pimentel - Ponta Grossa - PR - CEP: 84032-572
Telefone fixo: (42) 3225-7644 - Celular: (41) 8508-0027
E-mail: duplapressao@pop.com.br

Laboratório 2000 LTDA

Rua Arsênio Calaça, 629 - Recife - PE - CEP: 50761-060
Telefone fixo: (81) 3091-7080 - Telefone fixo: (81) 3088-4705
E-mail: vendaslab2000@hotmail.com

MANUTENÇÃO DE BOMBAS E SISTEMAS DE VÁCUO

Rua Mário Maia, 134 - São Paulo - SP - CEP: 05761-330
Celular: (11) 7057-2588
E-mail: tactronic@ig.com.br

POWER SERVICE - Manutenção Industrial

Rua WE-5, 657 Conjunto COHAB, Gleba 01 - Belém - PA - CEP: 66623-285
Telefone fixo: (91) 3348-1026
E-mail: power.service@msn.com
https://powers2012.wix.com/pservice

PROVAC- MANUTENÇÃO EM SOPRADORES DE AR E BOMBAS DE VÁCUO

Rua Conselheiro João Alfredo, 241 - Santos - SP - CEP: 11015-220
Telefone fixo: (13) 3235-2022 - Telefone fixo: (13) 3235-6744
E-mail: provac@provac.com.br
http://www.provac.com.br/

Estes equipamentos são usados na produção de lâmpadas e tubos de vácuo, que são utilizados em microondas. Os fabricantes instalam os modelos em veículos com freios hidráulicos. Máquinas como essas também são necessárias para criar o vácuo, no qual o processamento de semicondutores, a microscopia eletrônica e a produção de instrumentação analítica ocorrem. Procedimentos cirúrgicos requerem bombas de sucção para fornecer vácuo.

Existem três tipos principais: de deslocamento positivo, de transferência de força e de aprisionamento. Apesar de todas as configurações serem diferentes, cada uma opera de acordo com os mesmos princípios. As de deslocamento positivo expandem uma parte de uma câmara de vácuo, enquanto comprimem o gás no interior até esgotá-lo. Já as de transferência provocam colisões repetidas entre as moléculas de gás e rotores ou jatos de vapor que orientam as moléculas para fora da câmara. Os modelos de aprisionamento empregam o processo de condensação criado pelo rápido aquecimento e resfriamento a fim de comprimir e prender as moléculas de gás em um estado sólido. Dentro de cada uma destas categorias, a de vácuo pode operar por processos secos ou molhados. As bombas lubrificadas a óleo operam em níveis elevados porque a presença de óleo melhora a vedação entre as partes móveis. Um separador de óleo a jusante é necessário, no entanto, para evitar a ingestão de óleo e a contaminação do vácuo ou do ar evacuado. As medicinais, por exemplo, são geralmente sem lubrificante; o menor vestígio de óleo no vácuo pode causar mau funcionamento ou ameaçar a saúde de um paciente. Bombas que não utilizam óleo são chamadas de  vácuo seco e são mais comuns do que as de óleo.