Os cabos de extensão, também conhecidos como extensores de energia, são um tipo de conjunto de fios mais longos que são capazes de fornecer eletricidade para equipamentos elétricos portáteis ou aparelhos a partir de uma fonte de energia principal a dezenas, ou mesmo, a centenas de metros de distância.

Empresas relacionadas a cabos de extensão

Maxtronick - Manutenção Eletrônica Industrial

Praça Marcelino Machado, 96 102 - São Paulo - SP - CEP: 02134-030
Telefone fixo: (11) 2984-1949
E-mail: marketing@maxtronick.com.br
http://www.maxtronick.com.br/

Segurança e Qualidade são nossa base de trabalho.

Avenida dos Abreus, 26 - Carapicuíba - SP - CEP: 06390-077
Celular: (11) 8298-4912
E-mail: jose@hagrailson.com.br
http://www.hagrailson.com.br/

Cia do Software ( MD9 Distribuidora de Informática Ltda)

Rua Ártico, 261 - São Bernardo do Campo - SP - CEP: 09726-300
Telefone fixo: (11) 4122-6855
E-mail: suporte@ciadosoftware.com.br
http://www.ciadosoftware.com.br/

Há muitos tipos diferentes, variando em intensidade de luz para uso doméstico e industrial. Os modelos são usados em uma ampla gama de aplicações, tais como ferramentas de energia elétrica, iluminação, equipamentos de som, equipamentos de loja, manutenção, reparação ou demolição de edifícios e remodelação. Quase todas as indústrias utilizam esses acessórios, incluindo o setor de construção, produção industrial, segmento comercial, eletrônicos, eletrodomésticos, segmento médico e indústrias de processamento de alimentos.

Eles transmitem eletricidade através de uma linha isolada para aparelhos e equipamentos elétricos. Eles se ligam a uma peça de borracha rígida, com pinos afixados que se encaixam nas tomadas, transmitindo a energia elétrica através da linha de isolamento e para o equipamento portátil através de um soquete na outra extremidade da linha isolada, que atribui à vertente da década de equipamentos cabo de alimentação. São construídos com fios condutores, geralmente de cobre, protegidos por capas de diferentes calibres em borracha. O comprimento do cabo, o tamanho da bitola e distância entre os pinos são fatores importantes a considerar ao escolher um cabo de extensão, pois afetará diretamente a qualidade da energia elétrica transmitida.

Os cabos de extensão são muitas vezes mal empregados, o que pode resultar em lesão, morte e / ou multas caras para as empresas. Os tipos industrias de extensão são projetados somente para uso temporário, quando são utilizados a longo prazo, muitas vezes há consequências negativas. No Brasil, o manuseio errado e a instalação equivocada mata cerca de 400 mil pessoas por ano. Para evitar isso, o Inmetro -Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial- estabelece normas para produção e adequação desses e outros componentes elétricos. Hoje em dia, existem novas tecnologias surgindo para tentar diminuir o risco potencial de uso de extensões elétricas, como, por exemplo, tomadas e plugues polarizados.As tomadas polarizadas acomodam os plugues de porte assimétrico, que são usados atualmente nos aparelhos, enquanto os plugues polarizados evitam os riscos de eletrocussão através da conexão a um fio terra, oque impede que um choque acidental ocorra. Os disjuntores também estão sendo usados em alguns cabos, servindo para interromper o fornecimento de energia no caso de um pico energético ou superaquecimento.